Após 19 horas, ouro de dinamarqueses na 49er é confirmado

Os dinamarqueses Jonas Warrer e MartinKirketerp Ibsen vão manter sua medalha de ouro olímpica depoisde descartado na segunda-feira um protesto contra o resultado. O protesto do comitê de prova se seguiu a umaextraordinária regata pelas medalhas, no domingo. Warrer eIbsen lideravam com 11 pontos de diferença sobre os rivais maispróximos. Mas velejaram no barco que tinha sido da Croácia,depois de ter o mastro do próprio barco quebrado quando sedirigiam para a largada. A flotilha da classe 49er tem barcos padrão -- todos sãoidênticos. Os dinamarqueses poderiam ter sido desqualificadospor questões técnicas, e não de terem se valido por umavantagem injusta. "O protesto contra os dinamarqueses foi negado e não hápenalidades a serem aplicadas", disse aos repórteres JohnDoerr, membro do júri. "As medalhas permanecem inalteradas." Os espanhóis Iker Martínez e Xavier Fernández, quedefendiam o título olímpico, foram prata, e os irmãos alemãesJan Peter e Hannes Peckolt, bronze. Ibsen disse que a espera de 19 horas foi "surreal". "Nãodesejaria para meu pior inimigo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.