JF Diorio|Estadão
JF Diorio|Estadão

Argentina tem Calleri, Centurión e Allione em pré-lista da Rio-2016

AFA divulga relação com 57 jogadores pré-convocados

Estadão Conteúdo

19 de abril de 2016 | 13h42

Sem poder contar com Lionel Messi, já que o Barcelona não aceitou liberá-lo para a disputa dos Jogos Olímpicos, a Associação de Futebol Argentino (AFA) divulgou uma lista preliminar com 57 jogadores pré-convocados para defender a seleção do país no Rio-2016. Nesta listagem aparecem nomes como os dos atacantes são-paulinos Calleri e Centurión, o meia Allione, do Palmeiras, e o goleador Dybala, da Juventus.

Outro jogador de destaque incluído nesta lista foi o também atacante Icardi, da Inter de Milão, que no último sábado marcou o primeiro gol da vitória por 2 a 0 sobre o Napoli, em casa, pelo Campeonato Italiano.

Icardi, por sinal, divide a vice-artilharia da competição nacional com Carlos Bacca, do Milan, ambos com 15 gols. E logo atrás deles aparece Dybala, com 14 bolas na rede pela Juventus. Artilheiro disparado do Italiano, com 30 gols, Higuaín não está nesta lista divulgada pela AFA visando os Jogos Olímpicos.

O técnico Gerardo Martino elaborou esta extensa lista de jogadores, mas ainda fará dois cortes para definir os 18 nomes que terão de ser enviados ao Comitê Olímpico Internacional (COI) até 14 de julho. A AFA revelou que esta pré-lista será reduzida a 35 atletas em 1º de junho, sendo que a convocação derradeira só poderá contar com três jogadores de idade superior a 23 anos.

A pré-lista de convocados também conta com três jogadores do Atlético de Madrid, que hoje divide a liderança do Campeonato Espanhol com o Barcelona. São eles: o meio-campista Matías Kranevitter e os atacantes Angel Correa e Luciano Vietto.

Outros nomes de destaque entre os que atuam no futebol europeu são o goleiro Gerónimo Rulli, da Real Sociedad, e o defensor Ramiro Funes Mori, do Everton. Já entre os que atuam no futebol argentino, o River Plate, atual campeão sul-americano, conta com sete convocados, entre eles os defensores Emanuel Mammana e Jonathan Maidana, enquanto o Boca Juniors teve o lateral Jonathan Silva e o meio-campista Adrián Cubas lembrados.

Maior jogador do mundo na atualidade, Messi não poderá figurar na lista de convocados porque o Barça não aceita liberar o jogador, sendo que os clubes não têm obrigação de ceder atletas para o torneio olímpico. O astro, porém, deverá estar presente na Copa América Centenário, que também ocorre neste ano, nos Estados Unidos.

O torneio de futebol do Rio-2016 será disputado entre 3 e 19 de agosto e a Argentina tentará conquistar o seu terceiro ouro olímpico. A estreia da equipe na competição será contra Portugal. Em seguida, os argentinos pegarão Argélia e Honduras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.