Atletas escaparam ilesos de terremoto que atingiu a China

Segundo dirigente esportivo, nenhuma equipe do país será prejudicada pelo tremor de terra em Sichuan

ANSA

21 de maio de 2008 | 12h15

Estão salvos os vinte atletas olímpicos provenientes da região de Sichuan, devastada na semana passada pelo maior terremoto dos últimos anos na China. Entre eles, encontra-se Liu Jing, campeã asiática de atletismo (100 metros com barreira), natural da zona mais atingida. "Todos os atletas chineses de nível profissional estavam longe da zona mais atingida", anunciou Zhu Ling, dirigente esportivo de Sichuan. "Quando o desastre aconteceu, eles conseguiram sair rapidamente de dentro dos edifícios. Todos os atletas viviam em construções baixas e estavam descansando ou se preparando para os treinos da tarde quando veio o terremoto", continuou. A campeã Liu Jing também estava treinando com um grupo de atletas, na parte oeste da província. Apesar de não ter contabilizado mortes, o esporte olímpico chinês sofreu graves danos em sua estrutura física: um ginásio recém-construído, uma piscina e um estádio ficaram destroçados, enquanto outras construções estão inutilizáveis. Segundo Zhu Ling, nenhum dos atletas olímpicos ficou ferido, mas alguns perderam parentes após o terremoto. As autoridades chinesas já contam mais de 40 mil mortos. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.