Dida Sampaio / Estadão
Dida Sampaio / Estadão

Bolsonaro encontra ministro japonês e recebe convite para abertura da Olimpíada

Após reunião no Palácio do Planalto, presidente brasileiro se referiu ao Japão como 'o parceiro mais tradicional na Ásia'

Emilly Behnke, Estadão Conteúdo

08 de janeiro de 2021 | 13h26

O presidente Jair Bolsonaro recebeu nesta sexta-feira o ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Motegi Toshimitsu. A reunião ocorreu no Palácio do Planalto, em Brasília, com a presença do ministro Ernesto Araújo, das Relações Exteriores. Em suas redes sociais, Bolsonaro disse ter sido convidado para a abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio, no dia 23 de julho deste ano, e se referiu ao Japão como o "parceiro mais tradicional na Ásia com fortes laços culturais".

Em seu primeiro ano de governo, o presidente esteve no Japão para uma visita oficial. A presença na abertura dos Jogos Olímpicos em julho seria a sua segunda visita ao país asiático. O evento esportivo foi adiado no ano passado por conta da pandemia da covid-19.

Nesta sexta-feira, o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio divulgou comunicado oficial esclarecendo que o evento está mantido para o período entre 23 de julho e 8 de agosto, mesmo com o estado de emergência declarado na capital por conta do aumento de casos do novo coronavírus.

No comunicado, os organizadores ressaltam que a declaração de emergência "oferece uma oportunidade para controlar a situação da covid-19 e conseguir que Tóquio-2020 planeje Jogos seguros para este verão. Em consequência, daremos continuidade aos preparativos necessários". A situação de emergência começou a valer nesta sexta-feira e deve durar um mês em Tóquio e mais três cidades vizinhas.

Tudo o que sabemos sobre:
Olimpíada 2020 TóquioJair Bolsonaro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.