Brasil conta apenas com Marily na maratona feminina

Atleta vence dificuldades para chegar aos Jogos Olímpicos de Pequim; equipe de maratonistas fechada

Redação,

12 de maio de 2008 | 10h50

A alagoana Marily dos Santos, de 30 anos, será a única brasileira a competir na maratona da Olimpíada de Pequim. A corredora, que estreou na distância de 42.195 metros há quatro anos, em São Paulo, conseguiu o índice para a prova (2h37) há três semanas, ao correr 2h36min21 em Florianópolis.A vaga para Pequim é o principal resultado da carreira de Marily, iniciada quando ela tinha 19 anos, por incentivo do primo José Carlos Santana, medalha de prata na maratona do Pan de Havana, em 1991. Até então, o desejo de correr de Marily era reprimido pelo pai - moradora da pequena Joaquim Gomes, cidade de 20 mil habitantes no interior de Alagoas, ela ajudava a família na plantação de abacaxi.EQUIPE DEFINIDAO prazo para a obtenção de índices para a maratona e também para a marcha atlética de 50 km acabou ontem. Sirlene Pinho, medalha de bronze no Pan do Rio, falhou em sua última tentativa de ir para a China - ela não completou a Maratona de Praga, realizada domingo.O time de maratonistas está completo com o trio masculino, encabeçado por Marílson Gomes dos Santos, campeão da Maratona de Nova York em 2006, e segue com José Telles de Souza (vencedor da Maratona de São Paulo de 2005) e Franck Caldeira, ouro no Pan. Na marcha atlética de 50 km, o Brasil terá Mário José dos Santos. Ontem, ele foi o 26º na Copa do Mundo, na Rússia, com tempo de 3h58min30.ÍNDICE EM UBERLÂNDIAO pernambucano Jessé Farias está próximo de sua segunda Olimpíada. Ontem, no GP de Uberlândia, ele conseguiu índice para o salto em altura e ainda venceu a prova na competição internacional, saltando 2,30 m. Vice-campeão mundial do salto triplo, Jadel Gregório fez sua estréia na temporada na competição mineira. Venceu o torneio com uma marca baixa - 16,86 m, sendo que o recorde sul-americano, dele próprio, é de 17,90 m.Na quarta-feira, a cidade de Fortaleza recebe o segundo meeting brasileiro. Além da presença de Jadel, a prova terá Maurren Maggi, vice-campeã mundial indoor no salto em distância.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.