Clayton de Souza| Estadão
Clayton de Souza| Estadão

Brasil perde da Coreia e também é eliminado no masculino no tênis de mesa

Em série melhor de cinco partidas, Brasil foi caiu por 3 a 0

Estadão Conteúdo

12 Agosto 2016 | 22h44

A equipe brasileira masculina de tênis de mesa também foi eliminada nesta sexta-feira, na Olimpíada do Rio de Janeiro. O time formado por Hugo Calderano, Cazuo Matsumoto e Gustavo Tsuboi não resistiu à Coreia do Sul e foi batido por 3 a 0, logo na rodada de abertura da disputa por equipes.

O primeiro brasileiro a competir foi Hugo Calderano, atual 54º do ranking mundial. Ele teve pela frente Saehyuk Joo, 14º. E, apesar das boas atuações exibidas na disputa individual, o brasileiro ofereceu pouca resistência e derrotado por 3 sets a 0, com parciais de 15/13, 11/3 e 11/6.

Na segunda partida entre Brasil e Coreia do Sul, Matsumoto teve uma missão ainda mais difícil. Atual 79º do ranking, o brasileiro cruzou com Youngsik Jeoung, 12º, e só conseguiu tirar um set do rival. O sul-coreano ganhou por 3 sets a 1, com parciais de 11/8, 6/11, 11/8 e 11/2.

Após duas derrotas seguidas, somente um triunfo manteria o Brasil vivo na série melhor de cinco partidas. E a chance seria o terceiro jogo, disputado em duplas. Mas Tsuboi (68º do ranking) e Calderano não conseguiram conter o ritmo de Youngsik Jeoung e Sangsu Lee (16º). Os asiáticos levaram a melhor por 3 a 0, parciais de 11/5, 11/7 e 11/2.

Com o triunfo, o time sul-coreano avançou às quartas de final da disputa por equipes. O próximo adversários dos asiáticos será a Suécia, que eliminou os Estados Unidos também por 3 a 0.

Mais cedo, a equipe feminina do Brasil também foi derrotada na estreia. Perdeu por 3 a 0 para o forte time chinês, que é o grande favorito à medalha de ouro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.