Divulgação
Divulgação

Bronze em Mundial Sub-23, Felipe Borges fecha equipe olímpica de canoagem slalom

Brasileiro garante vaga após participar de etapa na França

Demétrio Vecchioli, Estadão Conteúdo

17 de junho de 2016 | 11h57

Medalhista de bronze no Mundial Sub-23 do ano passado, disputado na "casa dele", em Itaipu, Felipe Borges será o representante do Brasil na prova de C1 da canoagem slalom nos Jogos Olímpicos do Rio. Essa definição fecha a equipe da modalidade e garante a participação de cinco brasileiros no canal construído em Deodoro, na zona norte do Rio.

Felipe Borges disputava a vaga no C1 contra Charles Corrêa, que já vai à Olimpíada no C2, com Anderson Oliveira. Se Charles obtivesse a classificação também na prova individual, o Brasil teria um atleta a menos na equipe.

Nesta sexta-feira, Felipe Borges não precisou fazer muita coisa para se classificar à Olimpíada. Ele já estava à frente dos concorrentes na corrida olímpica brasileira e só precisou cair na água para participar da etapa de Pau, na França, da Copa do Mundo de Canoagem Velocidade, terceira e última da temporada.

A Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) estipulou quatro provas como seletivas para a canoagem slalom, pontuando os três primeiros colocados entre os brasileiros. Felipe venceu a primeira delas, em Deodoro, que valia mais pontos. Naquele evento, Charles e Leonardo Curcel também foram ao pódio e garantiram a participação na Copa do Mundo.

Como a pontuação das etapas da Copas do Mundo seria decrescente, com esta na França valendo menos, Felipe chegou a ela já muito próximo da vaga. Só precisava competir. Na primeira descida, fez o 39.º tempo e se assegurou no Rio. Leonardo foi só o 55.º, enquanto Charles nem competiu, já pensando no C2.

Dos cinco convocados, só Ana Sátila tem experiência olímpica, uma vez que foi a caçula do Time Brasil em Londres. Pedro Gonçalves, o Pepê, competirá no K1, depois de ficar fora da última Olimpíada. O Brasil recebeu convite para todas as provas.

Com a definição por Felipe Borges, de 21 anos, a equipe do canal de Itaipu, em Foz do Iguaçu (PR), terá dois membros: ele e Ana Sátila, de 20. Charles (23), Anderson (24) e Pepê (23) são de Piraju, no interior de São Paulo. As duas cidades são os celeiros da modalidade no Brasil.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Adicione o número (11) 99371-2832 aos seus contatos, mande um WhatsApp para nós e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio-2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.