Jackson Cristiano/ Ubaitaba Urgente-
Jackson Cristiano/ Ubaitaba Urgente-

Canoísta Isaquias Queiroz sofre acidente no interior da Bahia

Campeão mundial capotou o carro em uma ribanceira na BR-101

Heliana Frazão , Especial para O Estado

21 de setembro de 2015 | 15h49

O canoísta baiano Isaquias Queiroz, de 21 anos, sofreu um acidente na madrugada desta segunda-feira, 21, quando capotou o carro na BR-101, no interior da Bahia, próximo à cidade de Ubaitaba, município distante cerca de 450 quilômetros da capital, Salvador. De acordo com o site Ubaitaba.com, o atleta perdeu o controle do veículo, uma caminhonete tipo Ranger, em uma curva, capotou e caiu em uma ribanceira. Faltava cerca de 10 quilômetros para chegar à sua cidade.

Isaquias é uma das principais promessas de medalha para o Brasil, nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, que acontecerão em 2016.  O canoísta passa férias no interior do estado. De acordo ainda com o site local, o atleta teria ido buscar um irmão na cidade de Ilhéus, no sul baiano. O acidente ocorreu quando voltava a Ubaitaba. Além dos dois, um amigo de ambos estava no carro. Entretanto, apesar do susto, e da altura que o carro despencou, nenhum dos três se feriu.

Em entrevista ao veículo local, Isaquias contou que tinha ido esperar o irmão no aeroporto. "Na volta, eu acho que acabei cochilando ao volante, era muito tarde. Foi questão de segundos e perdi o controle do carro, que saiu da pista, caindo na ribanceira", revelou. Ele contou ainda que, no momento do acidente, foi despertado pelo amigo e pelo irmão.

"Graças a Deus não aconteceu nada de mais com a gente, estamos todos bem. Foi apenas um grande susto. Acho que nasci de novo. Quem vê o carro pode até imaginar o pior, mas o estrago foi apenas no carro", comentou. O campeão já está em casa. Ele informou que no próximo dia 8 estará de volta aos treinos.

Tudo o que sabemos sobre:
canoagemIsaquias Queirozacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.