Carlos Chinin falha e cai para a 36.ª posição no decatlo

Sem conseguir índice no arremesso de peso, brasileiro cai para a penúltima posição na classificação

Agência Estado

21 de agosto de 2008 | 05h30

Sem marca no arremesso do peso, o brasileiro Carlos Chinin caiu para 36.ª e penúltima colocação nas competições do decatlo, no atletismo nos Jogos Olímpicos de Pequim, no estádio Ninho de Pássaro. Chinin queimou suas três tentativas no arremesso de peso, a terceira prova das dez do decatlo, e ficou sem a marca.Veja também:A campanha brasileira na Olimpíada de PequimCom isso, o brasileiro Chinin caiu da 21.ª para 36.ª posição na classificação geral, com 1.662 pontos. O russo Alexander Pogolerov foi o melhor no arremesso de peso (16,53m). O norte-americano Bryan Clay (2.862 pontos) lidera o decatlo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.