Cathy Freeman pede apoio para atleta que ficou fora de Pequim

Australiana afirma que sem Jana Rawlinson fica difícil para o país conquistar o ouro no atletismo nas Olimpíadas

EFE,

16 de julho de 2008 | 20h17

A australiana Cathy Freeman, ouro nos 400 metros nos Jogos de Sydney-2000, disse nesta quarta-feira que o país deve apoiar a sua compatriota Jana Rawlinson, que não estará em Pequim devido a uma lesão no pé.Freeman afirmou que o público deve ser solidário com a bicampeã mundial dos 400 metros com barreiras, para que ela possa se recuperar do momento difícil e se concentrar nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012."É importante que as pessoas comecem a apoiar Jana para que ela possa recuperar-se desta grande desilusão e pense no futuro. Espero que ela se recupere em breve e demonstre sua real capacidade", disse a atleta.Freeman também reconheceu que será difícil a Austrália conquistar o ouro no atletismo, no qual Rawlinson era uma das esperanças de medalha."Será difícil. Não podemos comparar nosso esporte com a natação em termos de medalhas. Tudo o que podemos esperar é que nossos atletas dêem o melhor", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.