Susana Vera / Reuters
Susana Vera / Reuters

Chilena do tae kwon do testa positivo para covid-19 e está fora dos Jogos de Tóquio

Fernanda Aguirre não apresenta os sintomas da doença, mas foi colocada em quarentena e, como iria lutar no domingo, não terá como participar da Olimpíada

Redação, O Estado de S.Paulo

20 de julho de 2021 | 09h29

A chilena Fernanda Aguirre, atleta de tae kwon do na categoria 57 quilos, testou positivo para covid-19 nesta terça-feira, em sua chegada a Tóquio, e está fora da competição. Segundo o Comitê Olímpico do Chile, ela está assintomática, mas foi colocada em quarentena por pelo menos dez dias, sem sequer poder ir à Vila Olímpica. Com isto, ela está fora dos Jogos Olímpicos porque suas lutas seriam no domingo.

Fernanda fez treino de ambientação no Uzbequistão e apresentou resultado negativo para coronavírus antes de embarcar para Tóquio. Mas na chegada à capital japonesa foi flagrada no teste de antígeno e no PCR. O técnico José Zapata, que viajou com ela, testou negativo, mas também foi colocado em isolamento por prevenção.

Outros casos recentemente relatados espalhados pelo Japão incluem empreiteiros dos Jogos e um voluntário, cujas identidades não foram reveladas. Os últimos casos entre atletas foram de uma ginasta norte-americana e um jogador de vôlei de praia checo, adicionados nesta terça-feira à contagem oficial de pessoas credenciadas para a Olimpíada - ele tiveram resultado positivo para covid-19 neste mês.

Os testes positivos para a ginasta dos Estados Unidos, Kara Eaker, e o membro da equipe checa, Ondrej Perušic, foram anunciados na segunda-feira. Eaker estava em um campo de treinamento na prefeitura de Chiba e Perušic ficou na Vila Olímpica na Baía de Tóquio. Ambos entraram em quarentena por 14 dias, segundo os organizadores. Esse período inclui todos os três jogos agendados para Perušic com o parceiro David Schweiner.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.