Jean Christophe Bott/EFE
Jean Christophe Bott/EFE

COI estima custos de até R$ 4,74 bilhões por adiamento dos Jogos de Tóquio

Dados foram divulgados pelo presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach

Redação, Estadão Conteúdo

14 de maio de 2020 | 14h25

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), o alemão Thomas Bach, revelou nesta quinta-feira, após uma reunião por videoconferência do conselho executivo, que a entidade estima arcar com custos de até US$ 800 milhões (até R$ 4,74 bilhões) referente apenas à sua participação na organização dos Jogos de Tóquio-2020, que foram adiados deste ano para 2021 devido à pandemia do novo coronavírus.

"Prevemos que teremos que arcar com custos de até US$ 800 milhões por nossa parte e responsabilidades na organização dos Jogos de Tóquio-2020 adiados", disse Bach. A Olimpíada no Japão, que seria realizada neste ano, passou para 2021 e será disputada entre os dias 23 de julho e 8 de agosto.

Cerca de US$ 150 milhões (R$ 889 milhões) serão repartidos pelos diferentes grupos do Movimento Olímpico, como os Comitês Olímpicos nacionais e as federações internacionais, "para que continuem com as suas atividades e os seus programas de apoio aos atletas", afirmou o presidente do COI. Os US$ 650 milhões (cerca de R$ 3,85 bilhões) serão destinados ao Comitê Organizador de Tóquio-2020.

"Nós agora estamos trabalhando com total engajamento para o sucesso de Tóquio-2020 em 2021 e queremos esses Jogos em um ambiente seguro e saudável para todos os participantes", explicou Bach. "Estamos a um ano e dois meses da abertura destes Jogos Olímpicos adiados. Não devemos alimentar qualquer especulação sobre o futuro".

Na reunião do conselho executivo do COI, ficou ainda decidido que a 136.ª Assembleia Geral vai acontecer em 17 de julho deste ano, sendo que pela primeira vez não será de forma presencial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.