Rafael Ribeiro|Divulgação
Rafael Ribeiro|Divulgação

Com Formiga, Vadão começa a montar seleção da Olimpíada

Experiente jogadora é nome de confiança do treinador

Estadão Conteúdo

29 de abril de 2016 | 16h52

O técnico Vadão começou a montar nesta sexta-feira a seleção brasileira feminina de futebol que disputará os Jogos Olímpicos do Rio. Dois dias depois do fim da segunda fase do Campeonato Brasileiro, ele convocou sete jogadoras de clubes que estão eliminados da competição. O destaque entre as lembradas é a volante Formiga, que caminha para sua sexta Olimpíada.

Desde o ano passado a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) mantém uma seleção permanente. Catorze jogadoras desses grupo foram distribuídas, por meio de um draft, entre os oito times que avançaram à segunda fase do Brasileiro. Formiga, por exemplo, estava no São Francisco, da Bahia.

Voltam à seleção a zagueira Tayla, a latera Rilany (ambas do Iranduba-AM), a zagueira Bruna Benitez, a goleira Bárbara (estavam no Foz Cataratas), a atacante Rafaela Travalão e a goleira Letícia (caíram com o Corinthians). Outras sete jogadoras da seleção permanente ainda seguem na competição. Vadão treina o grupo de 2 a 14 de maio, na Granja Comary.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.