Daniel Dias conquista a prata nos 50 metros e bate recorde

Brasileiro ganha oitava medalha e se torna o maior conquistador de pódios do País numa única edição de Jogos

Redação,

15 de setembro de 2008 | 07h57

Daniel Dias voltou a brilhar nesta segunda-feira no último dia de disputas da natação nos Jogos Paraolímpicos de Pequim. O brasileiro chegou em segundo lugar nos 50 metros livre S5, em prova realizada no Cubo D'Água. Veja também: Vote: Brasil terminará entre os 10 primeiros no quadro?André Brasil conquista ouro nos 400 metros livre S10 Esta foi a oitava medalha conquista por Daniel Dias (, a quinta de ouro). O nadador completou o percurso com o tempo de 33s56. Clodoaldo Silva acabou com a marca de 35s22, em sétimo. O ouro foi conquistado pelo ucraniano Dmytro Kryzhanovskyy, com 33s00. Daniel Dias, de quebra, estabeleceu um novo recorde no esporte paraolímpico brasileiro. Com oito medalhas, ele se tornou o maior conquistador de pódios do País numa única edição de Jogos, superando a marca de Clodoaldo Silva, que subiu em sete nos Jogos de Atenas (2004). Além da medalha 50 metros livre, Daniel Dias ganhou ouro nos 50 metros costas (com 35s28), nos 100 metros livre (com 1min11s05, recorde mundial), nos 200 metros medley e nos 200 metros livre (com 2min32s32, recorde mundial). Ele também foi prata nos 50 metros borboleta e nos 100 metros peito, além de um bronze no revezamento 4x50 metros 20 pontos. Paulista, Daniel Dias tem má formação congênita dos membros superiores e perna direita. Ele, atualmente com 20 anos, começou a praticar a natação aos 16. O nadador também é recordista de medalhas de ouro no Parapan, com oito. Clodoaldo Silva, por sua vez, conquistou apenas uma medalha em Pequim, quando participou com Daniel Dias do revezamento 4x50 metros 20 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.