Vitor Silva/SS Press
Vitor Silva/SS Press

Primeira seletiva da natação para Olimpíada começa nesta quarta

Nadadores brasileiros buscam índice olímpico em Santa Catarina

Estadão Conteúdo

16 de dezembro de 2015 | 07h33

A primeira seletiva para os nadadores brasileiros tentarem conseguir índice para os Jogos do Rio-2016 começa nesta quarta-feira e vai até sábado no parque aquático da Universidade do Sul de Santa Catarina, em Palhoça (SC). Depois desta, os atletas terão apenas mais uma oportunidade, no Troféu Maria Lenk, que será disputado em abril, no Rio, e também servirá como evento-teste para a Olimpíada.

O local das provas foi todo remodelado pela Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA). A seletiva abrangerá dois campeonatos simultâneos, que voltam à Palhoça após sete anos - em 2008, o Pinheiros-SP sagrou-se campeão nos dois torneios.

Um deles, o 25.º Brasileiro Sênior/Troféu Daltely Guimarães, será disputado pela manhã. O outro, com disputas à tarde e à noite, será o 11.º Torneio Open Correios-CDBA, do qual participarão apenas os oito melhores de cada prova da competição da manhã.

As duas competições são válidas para obtenção dos índices olímpicos. Embora o Brasileiro Sênior seja disputado por atletas com no mínimo 20 anos, os mais jovens poderão nadá-lo "em observação".

Isso significa que não poderão conquistar medalhas e pontuar para seus clubes nem bater recorde de campeonato, mas seus tempos serão válidos para a conquista de índice olímpico e para possíveis recordes nacionais e internacionais.

REVEZAMENTOS

Os oito melhores de cada prova do Brasileiro Sênior, independentemente da idade, voltam à piscina para a disputa do Open, competição que não tem prova de revezamento. Os revezamentos, que serão disputados no final do dia, serão válidos apenas para o Troféu Daltely Guimarães.

Os tempos das provas de fundo - 800 metros livre feminino e 1.500 metros livre masculino - valerão para as duas competições, com os atletas balizados com os tempos mais lentos competindo pela manhã e os oito mais bem ranqueados competindo à noite, na série forte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.