AFP
AFP

Estados Unidos superam Holanda e levam o bronze no vôlei feminino

Seleção feminina chegou ao Rio como uma das favoritas ao título

Antonio Pita, Estadão Conteúdo

20 de agosto de 2016 | 15h20

Depois de ganhar duas pratas nas duas edições anteriores dos Jogos Olímpicos, a seleção feminina de vôlei dos Estados Unidos faturou a medalha de bronze no Rio-2016. Para isso, a equipe venceu a Holanda por 3 sets a 1, com parciais de 25/23, 25/27, 25/22 e 25/19, na tarde deste sábado, no Maracanãzinho. A cerimônia de entrega das medalhas ocorrerá após a final, às 22h15, entre China e Sérvia.

Assim, o bronze foi para a equipe que chegou ao Rio como uma das favoritas ao título na competição. Em julho, a seleção dos Estados Unidos ficou em segundo lugar no Grand Prix, após perder para as brasileiras na final.

Mas, nas semifinais, a Sérvia foi superior nos detalhes, vencendo por 3 sets a 2 as americanas e tirando o sonho do primeiro ouro olímpico do vôlei feminino dos Estados Unidos. Com dez participações em Olimpíadas, a equipe coleciona três medalhas de prata (2012, 2008, 2 1984) e venceu a disputa pelo bronze pela segunda vez, repetindo o resultado dos Jogos de Barcelona (1992).

As americanas tiveram uma primeira fase invicta, avançando em primeiro lugar no Grupo B da competição, o mais disputado no vôlei feminino. As holandesas ficaram em segundo no grupo, perdendo justamente para as americanas na estreia da competição. Já na segunda fase, Estados Unidos bateram o Japão nas quartas de final, mas foram derrotadas pela Sérvia, na semifinal.

A disputa do bronze ficou marcada pela importância do saque nos momentos decisivos do jogo - foi com um ace de Kimberly Hill que as americanas fecharam a partida. Ao todo, foram dez aces, e a força do saque também ajudou a desequilibrar a defesa holandesa. A equipe norte-americana também foi muito eficiente no bloqueio, marcando bem os ataques adversários.

Apesar da superioridade técnica, as americanas tiveram dificuldade para vencer a persistente e jovem Holanda, que começa a se consolidar entre as grandes equipes do vôlei. Nesta competição, entretanto, foi a determinação das jogadoras o fator decisivo para que a equipe chegasse às semifinais, superando equipes como a Sérvia e a China na primeira fase. Mas só a vontade não foi suficiente na disputa do bronze. A equipe errou muito, sobretudo no saque e no bloqueio, ficando sem medalha.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Mande um WhatsApp para o número (11) 99371-2832 e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio 2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.