Bryan Snyder/Reuters
Bryan Snyder/Reuters

Estados Unidos vencem República Checa e avançam às quartas do basquete em Tóquio

Equipe americana ficou em segundo no Grupo A, atrás apenas da França, que está invicta no torneio

Redação, Estadão Conteúdo

31 de julho de 2021 | 14h01

A seleção dos Estados Unidos de basquete masculino bateu a República Checa com tranquilidade por 119 a 84, em jogo disputado neste sábado, pela terceira rodada da fase de grupos dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Com o resultado, o time americano garantiu classificação às quartas de finais do torneio e de quebra eliminou os checos.

Com duas vitórias e uma derrota, o "Dream Team" ficou com a segunda colocação do Grupo A, atrás apenas da França, que venceu seus três compromissos. No entanto, os americanos se garantiram como melhor segundo lugar e estarão no pote 1 do sorteio que define as chaves da sequencia da competição, tendo pela frente algum dos segundos ou terceiros lugares dos grupos B e C.

O ala Kevin Durant fez história durante o jogo deste sábado. Com 23 pontos, oito rebotes e seis assistências, o jogador do Brooklyn Nets superou Carmelo Anthony e se tornou o jogador americano com mais pontos em todos os tempos nas olimpíadas.

Jayson Tatum foi outro nome que apareceu bem pelos Estados Unidos. O jogador do Boston Celtics foi o cestinha da partida com 27 pontos, além de dois rebotes e uma assistência. Zach LaVine - com 13 pontos, dois rebotes e cinco assistências - e JaVale McGee - 10 pontos -, foram outros que merecem citação.

Pelo lado da República Checa, Blake Schilb, Ondrej Balvín e Tomas Satoransky se destacaram. O primeiro fechou o jogo com 17 pontos e cinco rebotes, o segundo com 15 pontos e quatro rebotes e o armador do Chicago Bulls com 12 pontos, seis rebotes e oito assistências.

Também neste sábado, a Austrália dominou e venceu a Alemanha por 89 a 76. Os australianos, assim, seguem invictos para a próxima fase da Olimpíada com a liderança do Grupo B. Apesar da derrota, os alemães se classificam também como um dos melhores terceiros colocados. A segunda posição da chave ficou com a Itália, que bateu a Nigéria por 80 a 71.

O armador Patty Mills, do San Antonio Spurs, comandou mais uma vez os australianos e anotou 24 pontos. Ele foi seguido pelos 18 pontos de Jock Landale e 16 de Nick Kay. Pela Alemanha, o cestinha foi Andreas Obst, com 17 pontos. Conhecido do público da NBA, Mo Wagner, do Orlando Magic, fez apenas seis pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
Olimpíada 2020 Tóquiobasquete

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.