Ermindo Armindo/AP
Ermindo Armindo/AP

Ex-triatleta francês morre após parada cardíaca aos 31 anos

Laurent Vidal havia abandonado as competições há um ano

Estadão Conteúdo

10 de novembro de 2015 | 11h05

O ex-triatleta francês Laurent Vidal morreu na madrugada desta segunda para terça-feira em sua casa, no sul da França, após sofrer um enfarte aos 31 anos. Quinto colocado na Olimpíada de Londres, em 2012, ele havia abandonado as competições há pouco mais de um ano, justamente após descobrir um problema cardíaco.

A Federação Francesa de Triatlo foi quem confirmou a morte nesta terça. De acordo com as informações, Vidal sofreu o ataque cardíaco e foi encontrado em sua casa. Uma equipe de emergência foi imediatamente contatada e chegou rapidamente ao local, mas não conseguiu ressuscitá-lo.

A morte de Vidal comoveu até o presidente da França, François Hollande, que ofereceu suas condolências à família e realizou tributo a "um grande campeão". De acordo com a imprensa do país, o ex-triatleta vinha trabalhando como treinador, principalmente de sua namorada, a neozelandesa Andrea Hewitt, com quem planejava se casar no ano que vem.

Vidal havia abandonado o esporte no ano passado. Em abril de 2014, durante o treinamento em uma piscina, sofreu uma arritmia cardíaca que o levou a ser colocado em coma induzido. Ele ainda se recuperou, mas foi obrigado a abandonar o triatlo. "O esporte é secundário para mim agora. É uma paixão, mas nada comparado à vida" chegou a dizer na época.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.