Fiba/Divulgação
Fiba/Divulgação

FIBA adia Pré-Olímpico de basquete 3x3 em razão do coronavírus

Evento, que vale vaga nos Jogos de Tóquio-2020, seria disputado entre 18 e 23 deste mês, na Índia

Redação, Estadão Conteúdo

04 de março de 2020 | 10h08

O coronavírus atingiu mais uma modalidade nesta quarta-feira. Em razão do surto, a Federação Internacional de Basquete (FIBA) decidiu adiar o Pré-Olímpico de basquete 3x3. O evento, que vale vaga nos Jogos de Tóquio-2020, seria disputado entre 18 e 23 deste mês, em Bengaluru, na Índia. A seleção brasileira masculina estará na competição.

"A FIBA está trabalhando em colaboração com o Comitê Olímpico Internacional (COI) para encontrar a melhor solução possível nestas circunstâncias, levando em conta que a competição precisa ser realizada antes do FIBA 3x3 Universality Olympic Qualifier, agendado para 24 a 26 de abril", anunciou a entidade.

O adiamento, sem previsão de nova data, também afetou diretamente a seleção masculina. O time masculino iria se apresentar para os treinos no dia 9. Mas, agora, esta data também mudará "até novas informações da entidade".

No Grupo A do Pré-Olímpico, que conta com 20 equipes, o Brasil vai enfrentar Mongólia, Polônia, Turquia e República Checa na primeira fase, quando os times jogam entre si dentro dos grupos. As duas melhores de cada chave avançam ao mata-mata. Ao fim do torneio, somente os três melhores times vão disputar a Olimpíada. Será a última oportunidade para o Brasil se classificar para a Olimpíada.

OUTRAS MUDANÇAS

O adiamento do Pré-Olímpico não foi a única alteração na programação da FIBA em razão do coronavírus. A entidade também adiou a Copa Asiática de basquete 3x3 e a Liga dos Campeões da África e cancelou a Copa Asiática Sub-16 de basquete.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.