Miriam Jeske / CPB
Miriam Jeske / CPB

Finais no atletismo e campeões de volta à piscina: confira os destaques do dia na Paralimpíada

Medalhistas de ouro também voltam à piscina e começa o mata-mata no goalball masculino e na bocha

Redação, O Estado de S.Paulo

30 de agosto de 2021 | 18h00

O Brasil tem tudo para alcançar a meta dos 100 ouros em Jogos Paralímpicos na noite desta segunda, ou na madrugada e manhã de terça. O País tem diversas finais no atletismo que podem render o ouro, além de mais provas de Maria Carolina Santiago e Gabriel Bandeira na natação. Por outro lado, o mata-mata começa no goalball masculino e na bocha, enquanto o futebol de cinco e o vôlei sentado tem mais partidas da fase de grupos. Veja os principais destaques.

ATLETISMO

A primeira chance de medalha é logo no começo das disputas: já medalhista de ouro, Yeltsin Jacques disputa a final dos 100m rasos da classe T11 (cegos) às 21h38. Na mesma prova versão feminina, Jerusa Geber e Thalita Simplício correm de manhã, às 08h02. Atual campeã mundial, Rayanne Soares disputa a primeira eliminatória dos 100m rasos da classe T13 (atleta com visão parcial) às 22h30. Atleta mais nova da delegação brasileira com 17 anos, Jardênia Félix disputa a final dos 400m rasos da classe T20 (deficiência intelectual) às 08h38. Raíssa Machado participa da final do lançamento de dardo da classe F56 (atletas com lesão na coluna) às 22:12.

FUTEBOL DE CINCO

Favorita a ganhar a medalha de ouro pela quinta vez consecutiva, a seleção brasileira de futebol de cinco enfrenta a França pela última rodada da fase de grupos às 23:30. Já classificada, o jogo vale para a classificação da próxima fase. O futebol de cinco é uma modalidade disputada por deficientes visuais (exceto o goleiro de cada time).

NATAÇÃO

O Brasil terá as voltas de dois atletas que já ganharam medalha de ouro na edição atual dos Jogos Paralímpicos: e Maria Carolina Santiago compete na eliminatória dos 100m livre da classe S12 (deficiência visual moderada) às 21:24 e Gabriel Bandeira disputa a eliminatória dos 200m medley classe SM14 (atletas com deficiência intelectual) às 21:28. Já Cecília Araújo começa a competir às 22:58, nos 100m livres da classe S9 (atletas com amputações abaixo do joelho).

BOCHA

O Brasil terá um representante em cada classificação disputando as quartas-de-final: Maciel Santos enfrenta Yeung Hiu Lam, de Hong Kong, às 22h45, pela BC2; Evelyn Oliveira encara o britânico Scott McCowan pela BC3 às 23h55. Na sequência, Eliseu dos Santos joga contra o chinês Zheng Yuansen às 01h20 pela BC4. Por fim, José Carlos Chagas tenta superar Daniel Perez, da Holanda, às 04h na BC1.

A modalidade BC1 conta apenas com pessoas com paralisia cerebral, que podem jogar com as mãos ou com os pés e podem ter um auxiliar. Na BC2, o atleta apresenta quadro de paralisia cerebral e não tem auxílio. Na BC3, os atletas tem um grau maior de comprometimento motor. Os jogadores são assistidos pelos calheiros, que tem a função de direcionar a calha que auxilia na impulsão da bola de acordo com as orientações do atleta. Por fim, na BC4, os atletas tem deficiências com origem não cerebral, como distrofia muscular progressiva, esclerose múltipla, lesão medular com tetraplegia, etc.

GOALBALL

De manhã, o Brasil tem o primeiro confronto eliminatório: a seleção masculina encara a Turquia às 07h30. O goalball é um esporte para deficientes visuais em que três atletas jogam de cada lado, um pivô no centro e dois alas. Em campos opostos, os atletas lançam a bola com a mão para tentar marcar, enquanto os três do outro time defendem, podendo usar as mãos e pés para tal.

VÔLEI SENTADO

Fechando a primeira fase, a seleção masculina do Brasil encara a Alemanha às 02h. A equipe precisa vencer para garantir vaga no mata-mata. O vôlei sentado tem regras parecidas com as do vôlei olímpico, sendo disputado por atletas amputados ou que de alguma forma não podem usar os membros inferiores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.