Matthew Childs/Reuters
Matthew Childs/Reuters

Grã-Bretanha derruba favorita Holanda e leva ouro no hóquei sobre grama feminino

Britânicas conquistaram a medalha no shoot-out, equivalente aos pênaltis no futebol

Estadão Conteúdo

19 Agosto 2016 | 19h19

A equipe feminina de hóquei sobre a grama da Grã-Bretanha protagonizou uma das maiores surpresas desta Olimpíada, nesta sexta-feira, ao derrubar a favorita Holanda na final. As britânicas conquistaram a medalha de ouro no shoot-out (equivalente aos pênaltis, no futebol) após empate no tempo normal. Sem perder um jogo em Olimpíada desde Atenas-2004, O time holandês buscava o tricampeonato olímpico.

O sonho do tri das holandesas foi encerrado nesta sexta-feira, no Centro Olímpico de Hóquei, em Deodoro. Após empate em 3 a 3 no tempo normal, as britânicas venceram por 2 a 0 no shoot-out, sistema de desempate em que a jogadora sai em disparada com a bola em direção gol e tem um limite de tempo para fazer a finalização contra a goleira.

Com o triunfo e a conquista do ouro, a equipe britânica obteve seu melhor resultado na história das Olimpíadas. Já as holandesas tiveram que se contentar com a medalha de prata, depois de dois títulos olímpicos consecutivos, em Pequim-2008 e Londres-2012. A Holanda poderia se tornar a primeira seleção a conquistar o tricampeonato olímpico na história do hóquei nas Olimpíadas.

Ma disputa da medalha de bronze, a Alemanha levou a melhor sobre a Nova Zelândia e venceu por 2 a 1, mais cedo, nesta sexta. Curiosamente, o time alemão era o último a vencer a Holanda em Olimpíadas antes da queda desta sexta diante da Grã-Bretanha - foi justamente na final de Atenas-2004.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Mande um WhatsApp para o número (11) 99371-2832 e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio 2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.