Juliana Veloso diz que lesão no punho atrapalhou seu salto

Atleta dos saltos ornamentais disse que perdeu o equilíbrio devido ao punho enfraquecido

EFE

20 de agosto de 2008 | 18h58

A brasileira Juliana Veloso, eliminada nas eliminatórias dos saltos ornamentais nos Jogos Olímpicos de Pequim, explicou que perdeu o equilíbrio no último salto quando colocou as mãos na plataforma devido a uma lesão no punho direito.     Veja também:  Juliana Veloso é eliminada na plataforma de 10 metros A campanha brasileira na Olimpíada de Pequim   "Esse sempre foi um salto muito bom para mim até que fraturei o punho direito a primeira vez. Já fraturei quatro vezes esse punho. A última foi agora, em junho. Vou operar quando voltar ao Brasil, no dia três de setembro", declarou Juliana.   Conforme a própria atleta explicou, a parada de mão é a parte da prova onde ela tem mais dificuldades. Assim, decidiu "deixar o risco para o final" e entrar na competição com a nota boa.   No entanto, a atleta, que terminou a competição em 23º lugar, afirmou que quer revanche nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012. "Agora, vou me dedicar mais ao trampolim, mas não quero abandonar a plataforma. Vou resolver esse problema do punho. Em 2012, estarei em Londres. Quero mais, quero a revanche", afirmou a carioca.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.