Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Kitesurfe define seus campeões brasileiros da temporada no Rio

Modalidade estará presente nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no próximo ano

O Estado de S.Paulo

25 Outubro 2018 | 18h34

A praia do Pepê, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, receberá a partir desta sexta-feira a etapa final do Campeonato Brasileiro de Fórmula Kite. Além das disputas de kitesurfe, modalidade da vela que estará nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019, o evento terá também a classe RS:X, com a disputa do Campeonato Brasileiro de Windsurfe.

“O kite era uma modalidade à parte, mas isso mudou nos últimos anos com essa integração com a vela. É um esporte dinâmico e atrativo, que pode trazer um público novo para a vela também. Foi muito boa essa união e a possibilidade de entrar nos Jogos Olímpicos", afirmou o bicampeão brasileiro Bruno Lobo.

 

Ele ganhou a etapa de São Luís e vai lutar por nova vitória agora no Rio numa modalidade que será indicada pela federação internacional para fazer parte do programa olímpico nos Jogos de 2024, em Paris. "Eu espero me classificar primeiramente para os Jogos Pan-Americanos de Lima e seguir nessa trajetória, focando nos Jogos Olímpicos de Paris 2024”, disse.

O Comitê Olímpico Internacional vem tentando "rejuvenescer" um pouco a Olimpíada e para Tóquio-2020, por exemplo, surfe, skate e escalada esportiva estarão no programa e valem medalhas. Na vela, o kitesurfe é considerada a classe mais radical e terá regatas no Rio nas categorias Foil e Tubular.

Já o Campeonato Brasileiro de RS:X contará com a presença de Patricia Freitas, que esteve representando o Brasil nas três últimas edições dos Jogos Olímpicos. A previsão é de regatas nas categorias sênior feminina, sênior masculina, júnior feminina e júnior masculina. A competição termina no domingo.

SERVIÇO:

CAMPEONATO BRASILEIRO DE FÓRMULA KITE e BRASILEIRO DE RS:X

Quando: de 26 a 28 de outubro de 2018

Onde: Clássico Beach Club, na Barra da Tijuca

Endereço: Av. do Pepê s/nº, K09 - altura do Posto 2 – Rio de Janeiro/RJ

Horários: a partir de 11 horas

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.