Márcio e Fábio Luiz já pensam na final contra dupla dos EUA

Brasileiros dizem que vão dar o sangue na decisão para trazer a medalha de ouro; confronto é nesta sexta

Robson Morelli - Enviado Especial, O Estado de S.Paulo

20 de agosto de 2008 | 01h15

Após a vitória sobre os atuais campeões olímpicos, Ricardo e Emanuel, a dupla brasileira formada por Márcio e Fábio Luiz já começa a pensar na decisão do vôlei de praia nos Jogos Olímpicos de Pequim, marcada para a próxima sexta-feira contra os norte-americanos Rogers e Dalhausser.Veja também: Márcio e Fábio Luiz vencem duelo brasileiro no vôlei de praiaA campanha brasileira na Olimpíada de PequimEm entrevista coletiva após o triunfo nesta quarta, Márcio mostrou estar um pouco irritado com a dupla dos Estados Unidos, que teria dito que preferia encarar na decisão Márcio e Fábio Luiz, dupla que tem menos fama internacional do que Ricardo e Emanuel."Podem falar o que quiser, mas vão ter que suar muito para ganhar. Nós vamos dar o sangue para sair com o ouro", assinalou Márcio.Já Fábio preferiu falar sobre a evolução da dupla durante os Jogos Olímpicos. "Estes foi um ano muito difícil para nós, ganhamos o tempo todo nos três anos que passaram e nos últimos três meses começamos a derrapar. Isso é difícil para o atleta, gera uma preocupação, você pode perder o foco", afirmou.No entanto, de acordo com Fábio, a dupla se uniu mais quando chegou na capital chinesa. "Começamos a cuidar um do outro, nos acertamos, e felizmente tudo deu certo", declarou.Sobre o jogo desta quarta (horário chinês) contra Ricardo e Emanuel, Fábio mostrou estar muito feliz. "Foi muito difícil ter enfrentado Ricardo e Emanuel, era uma tarefa quase impossível vencer esta partida. Mas acho que não há muitos favoritos no vôlei de praia, tudo está muito nivelado", destacou.Já Ricardo e Emanuel disseram que vão torcer pelos algozes na decisão. Agora, eles querem "limpar a cabeça" para brigar pela medalha de bronze.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.