Gaspar Nóbrega/COB
Gaspar Nóbrega/COB

Thiago Monteiro perde de alemão na estreia do tênis e se despede da Olimpíada de Tóquio

Número 1 do Brasil é eliminado pelo alemão Jan-Lennard Struff, 48º do mundo, por 2 sets a 0; tenista brasileiro fez apenas uma apresentação

Redação, Estadão Conteúdo

24 de julho de 2021 | 03h44

Tenista número 1 do Brasil, Thiago Monteiro não foi páreo para seu primeiro rival e se despediu de forma precoce dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Na madrugada deste sábado, pelo horário de Brasília, o cearense foi eliminado pelo alemão Jan-Lennard Struff, 48º do mundo, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em 1h16min de partida. Como os jogos são eliminatórios, o brasileiro refaz as malas em volta para casa.

Thiago Monteiro, 95º da ATP, entrou em quadra com retrospecto favorável contra o tenista da Alemanha. Em três confrontos no circuito, ele venceu dois. Mas foi no saibro, piso diferente da quadra dura do Ariake Tennis Center. Struff obteve duas quebras de saque, uma em cada set, em quatro oportunidades. E o brasileiro desperdiçou os três break points que teve na partida.

O tenista do Brasil deixou a quadra com 21 erros não forçados, contra 17 do alemão, que enfrentará na segunda rodada o vencedor do duelo entre o sérvio Novak Djokovic e o boliviano Hugo Dellien. Este confronto está marcado para este sábado ainda, por volta das 5 horas (de Brasília).

Com a derrota, Monteiro se despede da Olimpíada porque não jogará nas duplas. Inicialmente, ele formaria parceria com Marcelo Demoliner. Mas o parceiro vai jogar com Marcelo Melo porque Bruno Soares sofreu uma crise de apendicite ao chegar ao Japão e precisou ser operado, abandonando os Jogos antes mesmo de começar.

Ainda neste sábado, João Menezes vai estrear na chave de simples contra o experiente croata Marin Cilic, dono de um título de Grand Slam e vice-campeão de Wimbledon. Mais cedo, nas duplas, Luisa Stefani e Laura Pigossi estrearam com vitória. Entre outros resultados da chave de simples, venceram na estreia o russo Daniil Medvedev, o espanhol Alejandro Davidovich Fokina, o georgiano Basilashvili Nikoloz, o francês jeremy Chardy e o australiano John Millman. Na chave feminina, avançaram a polonesa Iga Swiatek, a russa Anastasia Pavlyuchenkova e a checa Barbora Krejcikova.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.