No judô, ouro olímpico em Pequim vale R$50 mil

Quanto vale um campeão olímpico?A Confederação Brasileira de Judô estabeleceu seu preço: 50 milreais para cada medalha de ouro conquistada por atletas do paísnos Jogos de Pequim, que começa daqui a 16 dias. Terceira modalidade que mais deu medalhas olímpicas aoBrasil, com 12, sendo duas de ouro, o judô brasileiro embarcanesta quarta-feira para o período de aclimatação antes daOlimpíada, e os representantes das 14 categorias receberam apromessa de voltar da China com a conta bancária mais cheia sesubirem ao pódio. Além dos 50 mil reais pela conquista do ouro, a CBJ vaipagar prêmio de 30 mil reais por cada medalha de prata e 20 milreais pelo bronze, de acordo com o presidente da entidade,Paulo Wanderley Teixeira. "Espero ver a confederação falida depois da Olimpíadas",disse o dirigente, em comunicado. "É um prêmio à altura do queessas medalhas representam para o judô e para o esportebrasileiro", acrescentou. O Brasil será representado em Pequim por uma equipeolímpica forte, incluindo os campeões mundiais João Derly (até66kg), Tiago Camilo (até 81kg) e Luciano Corrêa (até 100kg). Nofeminino, a equipe também tem chances de subir ao pódio,principalmente com Edinandi Silva. Para vencer o tédio nas quase 24 horas de viagem até oJapão, onde a equipe vai treinar antes da Olimpíada, mais oscerca de 20 dias de concentração antes da competição em Pequim,Derly carrega na bagagem 15 filmes, de "Gladiador" a "LaBamba". Ipods lotados de músicas, livros de passatempo e cartas deamigos ainda não lidas são outros trunfos dos judocas do paíspara a longa viagem até o Oriente. Já o coordenador técnico internacional, Ney Wilson, estálevando três discos rígidos de computador com centenas degravações de lutas de todos os adversários dos brasileiros nasOlimpíadas. Diariamente, no treino da noite, a equipe sereunirá para estudar as principais técnicas dos rivais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.