OMS aconselha antiviral contra gripe aviária

Além da exposição ao vírus, atletas e torcedores devem estar atentos também à longa viagem

ANSA

28 de abril de 2008 | 11h26

A Organização Mundial de Saúde (OMS) fez algumas recomendações aos turistas que irão a Pequim durante as Olimpíadas, entre as quais, levar na bagagem um antiviral contra gripe aviária, informou nesta segunda-feira, 28, Walter Pasini, diretor do Centro OMS de Medicina para o Turismo. "Existem diversos aspectos de saúde que devem ser considerados por quem vai a Pequim, antes de tudo a longa viagem de avião, que pode causar uma trombose venosa devido ao longo período de tempo que se passa sentado", explicou Pasini. "Mesmo não tendo sido muito falada ultimamente, é necessário lembrar que no Egito houve 50 casos da gripe, o que provocou a morte de 22 pessoas. Para quem for à China recomendamos levar um antiviral como o Tamiflu, no caso de exposição ao vírus da doença", continuou. Para quem for à Áustria e à Suíça para assistir às partidas da Eurocopa, a OMS recomenda tomar a vacina contra a encefalite transmitida pelo carrapato. "A Fifa aconselhou os atletas, mas não há motivos para que os torcedores e viajantes também não tomem esta vacina", concluiu Pasini.

Tudo o que sabemos sobre:
Pequim 2008gripe aviária

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.