Vanderlei Almeida/AFP
Vanderlei Almeida/AFP

Para evitar queda, seleção masculina de vôlei encara jogo com França como 'final'

Brasil encara franceses na segunda-feira precisando da vitória

Estadão Conteúdo

14 Agosto 2016 | 08h23

A derrota para a Itália deixou a seleção brasileira em situação complicada no torneio masculino de vôlei da Olimpíada do Rio. Depois de cair por 3 sets a 1 (23/25, 25/23, 25/22 e 25/15) no último sábado, a equipe precisa da vitória sobre a França, na última rodada, segunda-feira, para avançar.

"Vai ser uma final contra a França. É final contra a França, é só nisso que a gente tem que pensar", declarou Lipe ao SporTV após a partida. O jogador também lamentou as falhas da equipe, principalmente no ataque. "A gente está falhando muito no ataque. Não sei... Já estudamos, tentamos evoluir."

Depois de bater México e Canadá nas duas primeiras partidas, o Brasil caiu diante dos Estados Unidos e da Itália. Disputa uma das três vagas restantes do Grupo A com França, Estados Unidos e Canadá e, por isso, não pode nem pensar em perder para os campeões da Liga Mundial do ano passado.

"A gente sabia que, desde o começo, seria uma final atrás da outra", comentou Lucão. "A gente precisa de mais uma vitória. Não adianta pensar que só com essas duas (contra México e Canadá) a gente ia garantir essa classificação", acrescentou.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Mande um WhatsApp para o número (11) 99371-2832 e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio 2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.