Arnaldo Carvalho/JC Imagem/AE
Hipismo é uma das modalidades do pentatlo Arnaldo Carvalho/JC Imagem/AE

Pentatlo moderno: evento-teste traz estrelas ao Rio

Segunda etapa da Copa do Mundo serve de preparação aos Jogos

O Estado de S.Paulo

10 de março de 2016 | 07h00
Atualizado 10 de março de 2016 | 07h36

A segunda etapa da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno que começa hoje no Rio de Janeiro valerá como evento-teste para os Jogos Olímpicos 2016. A competição será realizada no Parque Olímpico de Deodoro. As principais estrelas mundiais da modalidade estão confirmadas nas provas.

Entre elas estão os medalhistas olímpicos em Londres (2012), o tcheco David Svoboda (ouro), o chinês Cao Zhongrong (prata) e o húngaro Adam Marosi (bronze). No feminino, os destaques são a lituana e atual campeã olímpica Laura Asadauskaite e a inglesa Samantha Murray (prata).

O principal nome da equipe brasileira é pernambucana Yane Marques, bronze em Londres. É o único pódio brasileiro na história da modalidade. Técnico de Yane Marques, o coronel Alexandre França ressaltou a importância do evento-teste na preparação da delegação brasileira para os Jogos do Rio de Janeiro. “O objetivo é competir bem, mas sem a responsabilidade de subir ao pódio”, afirmou.

O pentatlo moderno agrega provas de esgrima, hipismo, natação, tiro esportivo e atletismo (corrida). Os cinco esportes serão disputados em três instalações: o estádio de Deodoro, a Arena da Juventude e na piscina do Centro Aquático de Deodoro, que será entregue hoje.

“Será fascinante ver os maiores atletas do pentatlo disputando aqui no Rio nessas instalações”, afirmou o presidente da federação internacional do pentatlo, o alemão Klaus Schormann.  O evento-teste, que não será aberto ao público, termina na próxima segunda-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Yane é a esperança brasileira de medalha nos Jogos do Rio

Pernambucana conquistou o bronze nos Jogos de Londres

O Estado de S.Paulo

10 de março de 2016 | 07h00

A pernambucana Yane Marques é o principal nome da equipe brasileira do pentatlo moderno. Bronze nos Jogos de Londres (2012), a atleta conquistou a vaga para os Jogos do Rio no ano passado, após levar o bronze no Campeonato Mundial, em junho de 2015. Um mês depois, no Pan de Toronto, ela ficou com o ouro. 

Yane iniciou a preparação para os Jogos do Rio no final do ano passado. Ela é a única brasileira com presença confirmada na Olimpíada. Em entrevista no final do ano passado, ela pediu um pouco de calma quanto às cobranças por medalhas mesmo depois do bronze em Londres.

"Para mim, não tinha sido surpresa. Eu era uma das 15 atletas que tinha chance e consegui. E hoje, como já ganhei uma medalha de bronze, as pessoas criam expectativa. Acham que tenho que ganhar uma de prata ou de ouro. Se não conseguir, vem a frustração", afirmou.

No evento-teste que começa hoje no Rio de Janeiro, a equipe brasileira é formada ainda por Priscila Oliveira, Isabela Abreu, Larissa Lellys, William Muinhos, Danilo Fagundes, Victor Aguiar e Felipe Nascimento. Todos recebem Bolsa Atleta do Ministério do Esporte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.