Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Perdoado, Ryan Lochte anuncia que vai se casar

Nem mesmo toda mentira contada pelo nadador no Rio fez Kayla Rae Reid terminar o relacionamento

O Estado de S.Paulo

11 Outubro 2016 | 12h56

Depois de ter seu nome envolvido em uma enorme confusão durante a disputa dos Jogos Olímpicos do Rio, o nadador Ryan Lochte anunciou que vai se casar. Segundo o atleta, a turbulência que viveu nas últimos meses apenas reforçou sua decisão. 

"Com tudo o que aconteceu, nós tivemos altos e baixos que a maioria dos casais passa em uma relação em 20 anos. Nós fizemos isso em questão de quase um ano. Ela esteve comigo e foi como a minha rocha. Foi quando eu soube, era algo como 'eu não vou deixar isso passar'", disse ao site americano ET.

Os competidores dos Estados Unidos, Ryan Lochte, James Feigen, Gunnas Bentz e Jack Conger afirmaram terem sido vítimas de um assalto à mão armada após uma festa na Casa da França, na Lagoa, Zona Sul do Rio de Janeiro, na noite de 14 de agosto. Após a história ter sido comprovada falsa, a investigação levou para uma confusão em um posto de gasolina, onde eles teriam praticado vandalismo no banheiro, gerando confusão com funcionários.

Na época da confusão, surgiram rumores que o relacionamento do nadador com Kayla Rae Reid poderia terminar. Mas ela parece ter perdoado o 'deslize'. "Isto é o que esperei por toda a minha vida: ter a minha própria família e encontrar a pessoa certa. E eu finalmente encontrei ela, e estou tão animado", finalizou Lochte.

CONSEQUÊNCIAS

O episódio no Rio causou consequências na carreira de Lochte. Aos 32 anos, o campeão olímpico perdeu seus quatro patrocinadores pessoais, além de levar uma suspensão do Comitê Olímpico Americano e da USA Swimming, por dez meses, devido à falsa comunicação de crime e mau comportamento. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.