Preparador físico e médico da seleção vão aos EUA para visitar atletas da NBA

Atuando pouco na temporada 2015/2016 da NBA, os jogadores brasileiros que disputam a principal liga de basquete do mundo vão receber a visita de profissionais de saúde da seleção. Nesta quarta-feira, chegaram aos Estados Unidos o preparador físico da equipe, Diego Jeleilate, e o médico do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Felipe Hardt.

Estadão Conteúdo

18 de novembro de 2015 | 17h57

De acordo com a Confederação Brasileira de Basquete (CBB), nesta quarta e nos próximos oito dias, os dois vão assistir a partidas dos brasileiros e conversar com eles e com e membros das comissões técnicas das franquias americanas. O trabalho visa a preparação para os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016.

"Nesse último ano do processo de preparação olímpica, queremos estar ainda mais próximos deles, tendo em vista de que o mais importante é os atletas se apresentem saudáveis e tenham um ótimo desempenho durante toda a temporada. Essa visita é fundamental para que a comissão técnica transmita a importância de um ótimo preparo durante todo o ano, mas também que os atletas saibam que quanto melhor se apresentarem mais fácil será nosso caminho em busca da sonhada medalha olímpica", explicou Jeleilate ao site da CBB.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.