Eugene Hoshiko / AP
Eugene Hoshiko / AP

Presidente do COI anuncia visita a Tóquio e prevê público nos Jogos ano que vem

Thomas Bach vai integrar comitiva que desembarca na sede dos próximos Jogos Olímpicos no dia 15 de novembro

Redação, Estadão Conteúdo

11 de novembro de 2020 | 16h45

O alemão Thomas Bach, presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), anunciou, nesta quarta-feira, que vai integrar a comitiva na viagem da próxima semana, entre os dias 15 e 18, para Tóquio, sede dos próximos Jogos Olímpicos no ano que vem. Em sua primeira visita à capital japonesa, o dirigente vai aproveitar para discutir as medidas contra a covid-19 e a possível presença de público nas competições.

"Estamos totalmente comprometidos em organizar Jogos seguros. A Olimpíada vai acontecer em um ambiente seguro. Estamos cada vez mais confiantes de que teremos um número razoável de torcedores. Quantos e sob quais condições? Depende muito dos desenvolvimentos futuros", afirmou Bach.

Sem estabelecer um prazo para definir o número de espectadores nos Jogos, o dirigente ficou mais confiante com a possibilidade de ter fãs nas arquibancadas após a realização do evento amistoso de ginástica artística, com a presença de atletas do Japão, China, Estados Unidos e Rússia, quando foram testadas medidas de segurança para participantes e torcedores.

A comitiva do COI, em pequeno número, está em quarentena em Lausanne, na Suíça, onde fica a sede do COI. Bach adiantou que o cancelamento dos Jogos por causa da pandemia do coronavírus não será discutida. "Cancelar não está em discussão."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.