Julio Detefon/COB
Julio Detefon/COB

Rayssa e Pâmela garantem vaga na decisão da 1ª etapa do mundial de skate street; Bufoni fica fora

Bronze em Tóquio, Funa Nakayama liderou o primeiro dia de competições da temporada 2021 da SLS, em Salt Lake City; campeã olímpica Momji Nishiya terminou em quarto

Redação, O Estado de S.Paulo

27 de agosto de 2021 | 18h30

Rayssa Leal e Pâmela Rosa se classificaram para a final da primeira etapa da SLS, Liga Mundial de Skate Street, realizada em Salt Lake City, nos Estados Unidos. As outras duas brasileiras na disputa, Letícia Bufoni e Marina Gabriela, não conseguiram vaga e ficaram pelo caminho na fase preliminar, realizada nesta tarde.

Esbanjando talento, Rayssa, medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de Tóquio, fez grandes manobras e se garantiu na decisão com a segunda maior nota entre as competidoras (17.7). Pâmela ficou em quinto, com 13.4 pontos, e se colocou entre as oito melhores do torneio. 

18 atletas se dividiram em duas baterias para que fossem conhecidas as oito classificadas. Em formato semelhante a Olimpíada, cada skatista pôde realizar uma volta de 45 segundos, e depois, quatro manobras para formar a pontuação final. A estreante Maria Gabriela foi a primeira a cair na pista, recebendo 2.2 dos juízes em sua primeira tentativa.  Apesar do belo flip na última manobra, que rendeu à paulista 5.4 pontos, ela não conseguiu se classificar entre as oito.

Na segunda bateria, o Brasil teve Rayssa, Pâmela e Letícia na briga. A vencedora do torneio em Paris há uma semana fez uma boa volta, de 3.6 pontos, mas cometeu erros nas últimas duas manobras e terminou a preliminar em décimo. Rayssa teve desempenho impressionante e ganhou nota 6.0 na volta inicial. Pâmela tirou 3.6.

Nas manobras, Fadinha acumulou 5.8 e 5.9 em seguida e se garantiu na decisão. A campeã mundial em 2019 foi menos espetacular, mas conseguiu vaga na final com notas 4.2, 5.6 e 3.0, somando 13.4.

A medalha de bronze em Tóquio, Funa Nakayama, registrou o maior somatório do primeiro dia, ainda na primeira bateria, com 18.3 pontos. Momji Nishiya, campeã da competição de estreia do esporte em Olimpíadas, fechou as preliminares em quarto (14.1).

A final feminina está marcada para este sábado, às 17h30. Antes disso, Kelvin Hoefler, prata no Japão, Felipe Gustavo, Luan Oliveira, Tiago Lemos, Lucas Rabelo e Filipe Mota tentam se classificar para a decisão do masculino, programada para às 19h desta sexta. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.