Paul Hanna/Reuters
Paul Hanna/Reuters

Renato Rezende é 16º e Priscilla Carnaval fica em 15º no 1º dia do ciclismo BMX

Quartas de final do masculino serão disputadas na quinta-feira, 18; no feminino, as semifinais serão na sexta, 19

Estadão Conteúdo

17 Agosto 2016 | 16h08

O ciclismo BMX viveu nesta quarta-feira seu primeiro dia de disputa na Olimpíada do Rio, com as provas classificatórias tanto no masculino quanto no feminino. Entre os homens, o brasileiro Renato Rezende terminou na 16.ª colocação entre os 32 competidores. Já Priscilla Carnaval foi a 15.ª entre as mulheres, mas com somente 16 participantes.

Este primeiro estágio não elimina nenhum competidor e serve apenas para definir quais serão as baterias da próxima fase. Como tem mais participantes, a disputa masculina viverá nesta quinta-feira a disputa das provas de quartas de final, estas sim eliminatórias. Já o feminino só voltará a ser disputado na sexta, já com as semifinais.

Nesta quarta, Priscilla Carnaval não foi bem e fez somente o penúltimo tempo da primeira corrida do dia, com 37s534, distante da colombiana Mariana Pajon, líder com 34s508. Assim, se classificou para a segunda bateria, ao lado das australianas Caroline Buchanan e Lauren Reynolds, da holandesa Laura Smulders, da belga Elke Vanhoof, da norte-americana Brooke Crain, da alemã Nadja Pries e da russa Yaroslava Bondarenko.

Já Renato Rezende foi o 16.º da prova masculina com o tempo de 35s404, bem atrás do líder, o francês Joris Daudet, com 34s617. O brasileiro estará na primeira das quatro baterias das quartas de final, que conta também com Daudet, com os holandeses Niek Kimmann e Jelle van Gorkom, o norte-americano Nicholas Long, o dinamarquês Niklas Laustsen, o neozelandês Trent Jones e o letão Edzus Treimanis.

 

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Mande um WhatsApp para o número (11) 99371-2832 e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio 2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.