Robôs de mascotes olímpicos receberão passageiros em Pequim

Os passageiros que desembarcarem esta semana no Aeroporto Internacional de Pequim serão recebidos por robôs com a aparência dos Fuwas, os mascotes olímpicos, que responderão a perguntas em vários idiomas, publica nesta segunda-feira o jornal oficial China Daily. A novidade se soma à atmosfera espacial do T3, o maior terminal do mundo, e também a uma medida histórica: DVDs serão exibidos nos aviões para ensinar os visitantes olímpicos a agirem ao chegarem e saírem do aeroporto. Outras medidas incluem um centro de boas-vindas no qual voluntários oferecerão informações aos estrangeiros, além da existência de filas exclusivas para os controles de vistos, inspeção e quarentena e alfândega, para garantir aos visitantes olímpicos uma entrada tranqüila, embora mais demorada. Cerca de dois mil voluntários, todos estudantes de Pequim e que atenderão os passageiros em oito idiomas diferentes, estarão presentes no aeroporto internacional durante os Jogos. No período de maior fluxo de passageiros o contingente será de 500 voluntários por dia. Segundo a agência de notícias "Xinhua", o aeroporto já está preparado para receber as cerca de 100 mil pessoas que deverão chegar a Pequim nas próximas duas semanas para os Jogos Olímpicos. A lista inclui VIPs, oficiais, atletas, jornalistas e patrocinadores, dos quais "cerca de mil já estão na cidade, principalmente correspondentes", disse o secretário-geral da equipe de coordenação do comitê olímpico para o aeroporto, He Yan. Segundo o secretário, o fluxo de visitantes está apenas no começo, mas aumentará antes de 30 de julho, alcançando seu nível máximo entre 31 de julho e 7 de agosto. A chegada de um número tão grande de convidados olímpicos é um desafio para o país organizador, no entanto o aeroporto está preparado para enfrentá-lo, afirmou He. O secretário acrescentou que pequenos grupos de atletas já estão na capital chinesa, mas os vôos charter das delegações só começarão a chegar em 27 de julho. 

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.