Russa Tatiana Lebedeva quer o ouro no salto em distância

Adversária de Maurren Maggi é a favorita para essa prova; saltadora irá para sua terceira Olimpíadas

EFE

29 de julho de 2008 | 15h59

A russa Tatiana Lebedeva, adversária da brasileira Maurren Higa Maggi no salto em distância dos Jogos Olímpicos de Pequim, afirmou que lutará pelo ouro nesta prova e também no salto triplo. Em entrevista publicada pelo jornal russo Sport-Express, a saltadora quer o bicampeonato da prova em distância e melhorar o bronze do salto triplo nos Jogos de Atenas.  "As duas provas são importantes. Porém, não ficarei decepcionada se for bem no salto em distância e mal no triplo", comentou Lebedeva sobre a chance de levar dois ouros seguidos. Lebedeva, que chega para a disputa de sua terceira edição dos Jogos Olímpicos em Pequim, é favorita nas duas provas, embora seja especialista apenas no triplo. A atleta minimizou o fato de ter apenas a quarta melhor marca do salto triplo em 2008 (14m92) e a nona na prova em distância (6m88). "Preferi me poupar. Deixo para as outras o peso de serem as líderes da temporada e a responsabilidade do favoritismo", apontou a russa, que não vê problemas com as condições climáticas e a poluição nas provas. No salto em distância, Lebedeva - que também é campeã mundial - terá como adversária não só a brasileira, mas também a portuguesa Naide Gomes, campeã mundial e européia indoor; e a também russa Liudmila Kolchanova, vice mundial e européia ao ar livre. A disputa do triplo terá a grega Hrysopiyi Devetzi, prata em Atenas, e a cubana Yargelis Svigne, campeã mundial.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.