AFP PHOTO/Javier Soriano
AFP PHOTO/Javier Soriano

Rússia bate a França e fatura seu 1º ouro olímpico no handebol feminino

Medalha é a primeira do país independente da União Soviética

Estadão Conteúdo

20 Agosto 2016 | 17h22

O handebol feminino tem uma nova campeã olímpica. Neste sábado, a Rússia derrotou a França na decisão do torneio dos Jogos do Rio por 22 a 19, na Arena do Futuro, e conquistou a medalha de ouro na modalidade pela primeira vez como país independente - a União Soviética foi campeã em Montreal-1976 e Moscou-1980.

Os quatro títulos mundiais (2001, 2005, 2007 e 2009) e a medalha de prata em Pequim-2008 tiravam da Rússia o rótulo de "zebra" no Rio, mas o país também não estava entre os favoritos para a competição. Na semifinal, aliás, a seleção bateu na prorrogação aquela que era a principal candidata ao título, a atual bicampeã olímpica Noruega, que teve que se contentar com a medalha de bronze.

A campanha russa foi irretocável. Na primeira fase, liderou a chave que contava com França, Suécia, Holanda, Coreia do Sul e Argentina com cinco vitórias em cinco partidas. Depois, manteve os 100% de aproveitamento com os triunfos sobre Angola, Noruega e, agora, França novamente.

Para bater a França, o país contou com as ótimas exibições de Anna Vyakhireva (cinco gols), Daria Dmitrieva e Polina Kuznetsova (quatro cada) para vencer. A Rússia foi dona da partida e só esteve atrás do placar quando sofreu o primeiro gol, com um minuto de jogo. Daí para frente, liderou, chegou a sofrer o empate na etapa final, mas abriu vantagem novamente para garantir o resultado.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Mande um WhatsApp para o número (11) 99371-2832 e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio 2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.