EFE
EFE

Seleção feminina de basquete perde e se despede do Rio-2016 sem vitórias

Brasil chega a ter 16 pontos de vantagem, mas toma virada da Turquia

Estadão Conteúdo

13 Agosto 2016 | 18h01

A seleção brasileira feminina de basquete encerrou a participação nos Jogos Olímpicos do Rio neste sábado com mais uma derrota. A equipe comandada pelo técnico Antonio Carlos Barbosa conseguiu fazer um bom jogo, mas faltou concentração no final e por isso perdeu para a Turquia, na prorrogação, por 79 a 76.

Depois de encerrar o primeiro tempo com 16 pontos de vantagem, o time brasileiro caiu de produção na etapa final e deixou as adversárias igualarem em 70 a 70 no encerramento do último quarto. Na prorrogação, as brasileiras desperdiçaram os três últimos ataques e permitiram que as turcas fechassem a partida com três pontos de vantagem.

O destaque do Brasil neste sábado foi Iziane, com 22 pontos e oito assistências. As pivôs Claudia Santos e Érika também foram bem. A primeira fez 17 pontos e pegou 12 rebotes, enquanto a outra anotou 16 pontos e conseguiu 11 rebotes.

Pelo lado da Turquia, a principal jogadora foi a armadora Isil Alben, com 18 pontos, nove rebotes, cinco assistências e oito roubadas de bola. A pivô Lara Sanders terminou como cestinha da partida, com 23 pontos e dez rebotes.

A seleção brasileira se despediu da Olimpíada com cinco derrotas em cinco jogos pelo Grupo A. Perderam na estreia para a Austrália e depois foram superadas pelo Japão. Na sequência, caíram diante das francesas e, matematicamente, foram eliminadas com uma derrota para a Bielo-Rússia na penúltima rodada da primeira fase.

Ainda pela chave brasileira, Japão e França, ambos classificados, se enfrentam ainda neste sábado para definir a segunda colocação. A Austrália garantiu a liderança do grupo e a Turquia ficou com o quarto lugar.

PARTICIPE

Quer saber tudo dos Jogos Olímpicos do Rio? Mande um WhatsApp para o número (11) 99371-2832 e passe a receber as principais notícias e informações sobre o maior evento esportivo do mundo através do aplicativo. Faça parte do time "Estadão Rio 2016" e convide seus amigos para participar também!

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.