Nelson Chenault|USA Today Sports
Nelson Chenault|USA Today Sports

Sem se recuperar de lesão, Marc Gasol é cortado pela Espanha da Olimpíada

Jogador, que não entra em quadra desde fevereiro, tentou acelerar retorno, mas não conseguiu

Estadão Conteúdo

21 de julho de 2016 | 13h35

A seleção masculina de basquete da Espanha sofreu uma baixa de peso para os Jogos Olímpicos do Rio. Nesta quinta-feira, a Federação Espanhola de Basquete anunciou o corte do pivô Marc Gasol, pois o jogador não vai conseguir se recuperar a tempo de uma fratura no pé.

Gasol não entra em quadra desde fevereiro, quando sofreu a fratura no seu pé direito durante uma partida da NBA pelo Memphis Grizzlies. Desde então, o pivô vinha tentando se recuperar para ter condições de competir no Rio, o que agora está descartado.

"Depois de meses de intenso trabalho individual de recuperação que teve continuidade ao longo das últimas três semanas na concentração pré-olímpica, fazendo todos os esforços possíveis para assegurar que os prazos de recuperação permitissem que ele se fizesse parte da equipe no Rio, Marc Gasol não conseguiu a necessária alta médica para tornar o seu objetivo uma realidade, então não poderá participar nos Jogos Olímpicos", anunciou a federação espanhola.

No comunicado, a entidade destacou que Marc Gasol agora se tornou o torcedor número 1 da seleção espanhola. "A partir de hoje, além de continuar seu processo de reabilitação, torna-se o primeiro torcedor da equipe e quer o maior sucesso possível no desafio olímpico", acrescentou.

A seleção espanhola contará com o irmão de Marc Gasol, Pau Gasol, que chegou a admitir publicamente o seu temor com o vírus zika no Rio, mas voltará a liderar a equipe na Olimpíada. O time, porém, já tinha uma ausência de peso, a de Serge Ibaka, que recusou a convocação.

A Espanha conquistou a medalha de prata nas duas últimas edições dos Jogos Olímpicos, sendo derrotadas em ambas as finais pela seleção dos Estados Unidos. A equipe está no mesmo grupo do Brasil no Rio-2016, o B, e também terá Argentina, Lituânia, Croácia e Nigéria como adversárias na primeira fase.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.