Loic Venance/AFP
Loic Venance/AFP

Simone Biles desiste de competir na final do exercício de solo em Tóquio

Com a nova desistência da ginasta de 24 anos, sobra apenas a competição na trave. Antes, a americana se retirou das disputas por equipes, individual geral e barras assimétricas

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de agosto de 2021 | 01h26

Simone Biles não defenderá seu título olímpico no exercício de solo nos Jogos  de Tóquio. Em comunicado oficial, a Federação Americana de Ginástica (USA Gymnastics, na sigla em inglês) anunciou neste domingo que a atleta está fora da final, que ocorre nesta segunda-feira, dia 2. 

"Simone se retirou da final do solo e decidirá sobre a da trave mais tarde nessa semana. De qualquer forma, te apoiamos, Simone", escreveu a entidade.

Esta é a quinta desistência de Simone Biles em Tóquio, restando apenas a disputa na trave. Anteriormente, ela se retirou das finais por equipe, individual geral, salto e barras assimétricas. Nas redes, a atleta comentou que vem sofrendo com "twisties" — falta de sincronia entre o corpo e mente durante as acrobacias

A desorientação relata por Biles é causada por problemas emocionais, amplificados em momentos de pressão, como a disputa dos Jogos Olímpicos. A decisão de não participar das disputas foi tomada em conjunto com a equipe médica da ginástica americana, visando evitar qualquer tipo de lesão grave. 

Uma das principais estrelas desta Olimpíada, Simone Biles só entrou em ação na capital japonesa durante as classificatórias da ginástica, no dia 25 de julho. Mesmo visivelmente nervosa e cometendo pequenos erros, a ginasta garantiu o melhor resultado individual na classificação geral. 

Apesar da juventude, Biles já é considerada uma das maiores ginastas de todos os tempos. Primeira a alcançar cinco títulos mundiais da modalidade, a alteta faturou quatro medalhas de ouro e uma bronze nos Jogos do Rio de Janeiro, em 2016. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.