Tcheca sofre entorse durante salto e abandona estádio de maca

Romana Dubnova tentava ultrapassar a marca de 1,93 metro e sofreu lesão durante o movimento do salto

Efe,

23 de agosto de 2008 | 11h01

A tcheca Romana Dubnova deixou neste sábado em uma maca a pista de atletismo do Estádio Nacional de Pequim, ao sofrer uma entorse no tornozelo esquerdo no momento de se apresentar na final da prova de salto em altura nos Jogos Olímpicos. Dubnova tentava ultrapassar a marca de 1,93 metro e sofreu uma violenta entorse durante o movimento do salto, caindo ao chão com notórios gestos de dor. A atleta tcheca, nascida em 4 de novembro de 1978 e que tem como melhor marca pessoal 1,96 metro, teve de ser retirada de maca pelos serviços de assistência médica e abandonar a prova. Dubnova nunca tinha conseguido se classificar para uma grande final no salto em distância. Não havia obtido índices nas eliminatórias do Campeonato Europeu de Gotemburgo (2006) e no Mundial de Osaka (2007).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.