Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Terezinha Guilhermina conquista o ouro nos 200 metros T11

Atleta brasileira crava a marca de 25s14 e leva sua terceira medalha em Pequim; Jerusa Santos é bronze

Redação,

16 de setembro de 2008 | 06h37

A brasileira Terezinha Guilhermina voltou ao pódio nos Jogos Paraolímpicos, desta vez no lugar mais alto. Ela conquistou sua terceira medalha em Pequim ao chegar em primeiro lugar nos 200 metros rasos classe T11, para atletas com deficiência visual - é o primeiro ouro de uma mulher brasileira nesta edição. Veja tambémRevezamento brasileiro conquista a prata no atletismo Lucas Prado conquista terceira medalha de ouro no atletismo Terezinha cravou a marca de 25s14, tempo que ficou abaixo do recorde mundial da brasileira Adria Santos, de 24s99 - Adria não conseguiu vaga na final. O segundo lugar ficou com a chinesa Chunmiao Wu (25s40), seguida pela também brasileira Jerusa Santos, com 26s09. Antes da medalha dourada nos 200 metros, Terezinha levou um bronze nos 400 metros T12 (57s02) e uma prata nos 100 metros livre, quando fez 12s40 e acabou superada pela chinesa Wu Chunmiao, com 12s31. "Eu prometi que não iria mais errar", contou Terezinha em entrevista ao SporTV. "Esse ouro é uma medalha para minha família e todos que torceram por mim. Não cheguei sozinha até aqui." Atualmente, Terezinha é o principal nome do atletismo paraolímpico brasileiro depois de Lucas Prado. Tricampeã no Parapan do Rio de Janeiro, Terezinha completa 30 anos no dia 3 de outubro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.