Divulgação
Divulgação

Anderson Silva confirmado no UFC 198 na Arena da Baixada

Brasileiro enfrentará Uriah Hall dia 14 de maio em Curitiba

O Estado de S.Paulo

17 de março de 2016 | 22h04

O histórico card do UFC 198 no estádio da Arena da Baixada ganhou um reforço de peso. Nesta quinta-feira, o Ultimate confirmou a luta entre Anderson Silva e Uriah Hall também para o evento do dia 14 de maio. 

Dono de cartel de tem um cartel de 33 vitórias, sete derrotas e uma luta sem resultado, o Spider vem de derrota para Michael Bisping, após decisão dividida no UFC Londres, em fevereiro deste ano. Nascido em São Paulo, o brasileiro terá a oportunidade de lutar pela primeira vez em Curitiba, cidade onde foi criado e iniciou nas artes marciais.

Aos 40 anos, o ex-campeão dos pesos médios não ganha um combate desde outubro de 2012, quando nocauteou Stephan Bonnar nos meio-pesados. Depois disso teve duas derrotas para Chris Weidman, quando perdeu o cinturão e quebrou a perna, respectivamente, e o doping contra Nick Diaz, quando a luta terminou sem resultado.

Seu adversário, o jamaicano Uriah Hall é nove anos mais novo e tem um cartel de 12 vitórias e seis derrotas. No UFC ganhou o apelido de "Homem Ambulância" após mandar seus adversários para o hospital durante na disputa do TUF 17.

O primeiro evento do UFC realizado em um estádio de futebol no Brasil também contará com a presença de outros grandes nomes do MMA do País como: Fabrício Werdum, Vitor Belfort, Maurício Shogun, Demian Maia e Rogério Minotouro

Combates confirmados até o momento:

Fabricio Werdum x Stipe Miocic

Ronaldo “Jacaré” x Vitor Belfort

Mauricio Shogun x Corey Anderson

Demian Maia x Matt Brown

Patrick Cummins x Rogério “Minotouro”

Warlley Alves x Bryan Barbarena

Francisco “Massaranbuda” x Yanci Medeiros

Thiago Santos x Nate Marquardt

Sergio Moraes x Kamaru Usman

Renato “Moicano” x Zubaira Tukhugov

Tudo o que sabemos sobre:
Arena da BaixadaAnderson SilvaUFCMMA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.