Glover Teixeira testa boa fase diante de Rashad Evans

Brasileiro faz luta principal no UFC Tampa neste sábado nos EUA

RAFAEL PEZZO, O ESTADO DE S.PAULO

16 de abril de 2016 | 05h00

O brasileiro Glover Teixeira subirá ao octógono do UFC Tampa, neste sábado na Flórida, diante de Rashad Evans para confirmar a boa fase. O brasileiro chega após duas vitórias, em agosto e novembro do ano passado, e não quer perder o lugar na fila na disputa do cinturão dos meio-pesados.

Teixeira foi adicionado ao card principal do evento do próximo final de semana em 9 de março. Mauricio Shogun Rua, então adversário de Evans, acabou se lesionando durante os treinos e foi cortado.

Inicialmente, a luta de Glover Teixeira era a segunda mais importante da noite e programada para durar três rounds. No entanto, o adversário de Khabib Nurmagomedov na luta principal, Tony Fergusson, foi obrigado a desistir após ter descoberto fluídos e sangue em seus pulmões. Em uma rede social, Fergusson afirmou que “mais traumas no local poderiam ser fatais”.

O lutador mineiro minimizou a mudança de programação e o aumento no número de assaltos. “Eu estou sempre treinando e sempre pronto para cinco rounds. Eu não treino para lutar pouco. Eu treino muito, faço muito sparring e muito jiu jitsu”, explicou Glover em entrevista ao Estado.

Se o brasileiro busca manter a boa fase no Ultimate, Rashad Evans espera acabar com o mau desempenho dos últimos anos. A última vitória de Evans foi em novembro de 2013, sobre Chael Sonnen. É bem verdade que desde então ele lutou apenas uma vez, e perdeu para Ryan Bader por decisão em outubro de 2015.

A seca de vitórias e a pressão por um bom resultado não alteraram a preparação de Glover. “Ele é um cara perigoso, tem um soco, poder de nocaute, mas eu estou pronto e focado. Não tem pressão. É chegar lá e lutar e ganhar.​”

O futuro da categoria, e consequentemente das pretensões de Teixeira, depende também do evento da próxima semana. Em 23 de abril, o antigo campeão dos meio-pesados Jon Jones retorna de suspensão e enfrentará Ovince St. Preux no UFC 197, em luta pelo título interino da categoria. Jones enfrentaria o atual campeão Daniel Cormier na luta pelo cinturão

Este evento receberia a luta pelo cinturão dos meio-pesados, entre Jones e Daniel Cormier, atual detentor do título. Porém, Cormier lesionou o pé nos treinos e será substituído por St. Preux. Assim, o combate em Las Vegas valerá o título interino dos meio-pesados.

LYOTO

Além das mudanças da ordem das lutas e dos atletas, o card principal sofreu o corte de Lyoto Machida. O 'Dragão' assumiu ter consumido uma substância ilegal e se recusou a fazer o exame antidoping. O brasileiro estava programado para enfrentar Dan Henderson, na luta que seria a última da carreira do ex-campeão de 45 anos. Ainda que tenha admitido o doping e não realizado o teste, Lyoto ainda pode receber alguma punição do UFC.

Em entrevista ao Combate.com, Hendo se mostrou decepcionado com a atitude de Machida e disse que não tem mais vontade de enfrentar o brasileiro novamente. "Não tenho nenhum desejo em enfrentar o Machida ou em gastar meu tempo me preparando para enfrentá-lo de novo depois disso. Acho que o UFC deveria repreendê-lo ou, possivelmente, cortá-lo", disse Dan. 

PITBULL

O UFC Tampa também marcará o retorno da brasileira Bethe “Pitbull” Correia, afastada desde a derrota para Ronda Rousey, no Rio de Janeiro, em outubro do ano passado. A paraibana subirá ao octógono diante da norte-americana Raquel Pennington, em luta válida pelo peso galo feminino.

UFC: Teixeira x Evans

16 de abril de 2016, em Tampa (EUA)

CARD PRINCIPAL (a partir de 21h de Brasília):

Peso-meio-pesado: Glover Teixeira x Rashad Evans

Peso-palha: Rose Namajunas x Tecia Torres

Peso-casado: Khabib Nurmagomedov  x Darrell Horcher

Peso-pena: Cub Swanson x Hacran Dias

CARD PRELIMINAR (a partir de 17h de Brasília):

Peso-leve: Beneil Dariush x Michael Chiesa

Peso-galo: Bethe Correia x Raquel Pennington

Peso-meio-médio: Court McGee x Santiago Ponzinibbio

Peso-leve: Drew Dober x Islam Makhachev

Peso-galo: John Dodson x Manny Gamburyan

Peso-meio-médio: Randy Brown x Michael Graves

Peso-médio: Oluwale Bamgbose x Cézar Mutante

Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Omari Akhmedov 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.