Jamie Squire/Getty Images/AFP
Jamie Squire/Getty Images/AFP

Johnson finaliza Wilson e mantém cinturão dos pesos mosca do UFC

Norte-americano não dá chances para o brasileiro e se iguala a Anderson Silva em número de defesas de título

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2017 | 11h30

A esperança do brasileiro Wilson Reis de conseguir para si o cinturão dos pesos mosca do UFC não se confirmou. Desafiando Demetrious Johnson na luta principal do card do UFC Kansas City, na noite deste sábado, ele não conseguiu ter superioridade durante todo o combate e acabou derrotado com uma finalização no terceiro round.

O resultado fez com que o lutador norte-americano conquistasse a sua décima vitória em defesas de cinturão. O número é um recorde igualado, que apenas o veterano ídolo Anderson Silva ostentava dentre todas as categorias do Ultimate.

Já para Wilson, a derrota interrompeu uma sequência de três vitórias seguidas. Ele, que classificava a luta como a mais importante da sua carreira até aqui, possui agora no cartel 22 vitórias e sete derrotas.

No octógono, o brasileiro até começou bem a luta, conseguindo derrubar o adversário em contra-ataque a um chute baixo que não entrou. No entanto, Johnson conseguiu se levantar rapidamente. Mais veloz, o atual campeão do peso mosca conseguiu se defender de todos os ataques de Wilson, mais focados nos agarrões de jiu-jitsu, e respondendo na mesma moeda. No terceiro round, com mais resistência física, Demetrious conseguiu derrubar Reis e segurar em uma chave de braço que definiu o combate.

Também pelo card principal, Ronaldo Jacaré foi outro lutador brasileiro a sair derrotado. Ele enfrentou Robert Whittaker por uma chance de disputar o cinturão da categoria peso médio, mas sofreu uma polêmica interrupção no meio do segundo round. Após levar um chute certeiro e cair no chão, Jacaré sofreu alguns golpes do neozelandês ainda imobilizado. Quando conseguiu se defender e virar de costas, o árbitro Mario Yamazaki decidiu encerrar a luta.

Renato Moicano, por sua vez, conseguiu vencer o seu terceiro combate pelo UFC. Abrindo o card principal em Kansas City, ele enfrentou Jeremy Stephens e ganhou a luta na decisão dividida da arbitragem, que lhe concedeu a vitória pelas notas de 29-28, 28-29 e 29-28.

Confira os resultados do card principal do UFC Kansas City:

Demetrious Johnson venceu Wilson Reis por finalização a 4min49s do 3º Round

Rose Namajunas venceu Michelle Waterson por finalização a 2min47s do 2º Round

Robert Whittaker venceu Ronaldo Jacaré  por nocaute técnico a 3min28s do 2º Round

Renato Moicano venceu Jeremy Stephens por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)

Confira os resultados do card preliminar:

Alexander Volkov venceu Roy Nelson por decisão unânime (triplo 30-27)

Tom Duquesnoy venceu Patrick Williams por nocaute técnico a 28s do 2º Round

Rashid Magomedov venceu Bobby Green por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)

Tim Elliott venceu Louis Smolka por decisão unânime (triplo 30-27)

Aljamain Sterling venceu Augusto Tanquinho por decisão unânime (triplo 29-28)

Devin Clark venceu Jake Collier por decisão unânime (30-27, 30-27 e 30-26)

Anthony Smith venceu Andrew Sanchez por nocaute técnico a 3min52s do 3º Round

Zak Cummings venceu Nathan Coy por finalização a 4min21s do 1º Round

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.