Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Ricardo Moraes/ Reuters
Ricardo Moraes/ Reuters

José Aldo é nocauteado em 'casa' e Belfort volta a vencer no UFC 212

Brasileiro não resiste ao havaiano Max Holloway e perde o cinturão no Rio

Estadao Conteudo

04 de junho de 2017 | 09h02

Chamado de o "Rei do Rio", por nunca ter perdido na capital fluminense, José Aldo pode perder o apelido ao sofrer sua primeira derrota na cidade, na madrugada deste sábado. Ele não resistiu ao havaiano Max Holloway e foi nocauteado no UFC 212. A boa notícia para os fãs brasileiros foi a vitória de Vitor Belfort sobre Nate Marquardt.

Maior esperança do Brasil neste card principal do UFC, José Aldo começou bem a luta na Arena da Barra, mas viu o rival equilibrar o confronto no segundo round e ganhar confiança logo na sequência. No terceiro, derrubou o brasileiro e iniciou uma sequência de socos, no chão, que finalizou a luta aos 4min13s, quando o árbitro confirmou o nocaute técnico.

Com a vitória, Holloway unificou o cinturão dos pesos penas (até 66kg). Em grande momento, o havaiano acumulou sua 11ª vitória consecutiva. Aldo, por sua vez, não conseguiu defender o cinturão interino em sua primeira tentativa, após a dura derrota para o irlandês Conor McGregor.

Se Aldo decepcionou, Belfort fez as pazes com a vitória nesta madrugada. Sem vencer desde 2015, e vindo de derrotas para Ronaldo Jacaré, Gegard Mousasi e Kelvin Gastelum, ele derrotou nesta madrugada o norte-americano Nate Marquardt por decisão unânime dos juízes, encerrando a má fase, que quase o levou a se aposentar. Por contrato, o lutador ainda tem mais uma luta com o UFC. Mas seu futuro segue indefinido.

"Sem sacrifício, não há glória. Galera, obrigado pelo carinho. Beijo para minha esposa, meus filhos, treinadores, a toda equipe lá no Canadá. A todos que investiram na minha vida e na minha carreira", afirmou o lutador brasileiro de 40 anos, em tom de despedida, ao fim da luta no Rio de Janeiro.

Confira os resultados do UFC 212:

Max Holloway derrotou José Aldo por nocaute técnico

Cláudia Gadelha bateu Karolina Kowalkiewicz por finalização

Vitor Belfort venceu Nate Marquardt por decisão unânime

Borrachinha superou Oluwale Bamgbose por nocaute técnico

Yancy Medeiros ganhou de Erick Silva por nocaute técnico

Tudo o que sabemos sobre:
MMAUFCJosé AldoVitor Belfort

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.