Wander Roberto/Inovafoto
Wander Roberto/Inovafoto

Lyoto espera lutar mais vezes em 2015 e aceita desafio de Rockhold

Após nocautear CB Dollaway em Barueri, lutador brasileiro foi desafiado no Twitter por norte-americano a duelo em fevereiro

Rafael Fiuza e Vanderson Pimentel, O Estado de S. Paulo

21 de dezembro de 2014 | 11h00

Empolgado após nocautear CB Dollaway com um chute na costela pelo UFC Fight Night Combate, que ocorreu em Barueri, Lyoto Machida aceitou o desafio proposto por Luke Rockhold. Em seu Twitter, o norte-americano pediu para o presidente da organização, Dana White, promover um duelo entre ambos pelos médios em fevereiro de 2015, no Staples Center, em Los Angeles.

Ao ser informado do tuíte, na coletiva após o evento no Ginásio José Corrêa, o brasileiro se mostrou a favor do combate. "Pode ser que sim, pode ser que não. Ele está credenciado aí na fila do cinturão e uma luta minha com ele seria uma coisa excelente", disse o brasileiro, que atualmente está na quarta colocação do ranking dos médios, uma posição à frente do norte-americano.

Assim como Vitor Miranda, Renan Barão e Erick Silva, Lyoto também ganhou 50 mil dólares (aproximadamente R$ 133 mil) por fazer uma das lutas da noite. O brasileiro espera fazer mais duelos em 2015. "Eu quero lutar mais, já falei para a organização que quero estar presente e fazer três a quatro lutas por ano", afirmou o carateca, que esse ano derrotou Gegard Mousasi em fevereiro e perdeu para Chris Weidman na disputa pelo cinturão em julho.

Sobre a luta desta noite, Lyoto explica que o chute na costela é fruto de um trabalho realizado há muito tempo. "É um tipo de golpe que eu treino bastante. Eu senti que era o momento certo de chutar e ele acabou entrando. Mas o CB Dollaway é um cara duro."

CB Dollaway chegou à coletiva ainda com a mão na costela pela forte pancada. Mesmo assim, o derrotado acredita que não seja nada de mais. "Eu achei que (o chute) ia na cabeça e quando fui para trás, senti e acabou sendo muito trágico. Eu acho que foi só um chute no fígado.A dor começou a amenizar e espero estar lutando logo mais".

CONFIRA OS RESULTADOS DO UFC FIGHT NIGHT EM BARUERI:

CARD PRINCIPAL

Renan Barão ganhou de Mitch Gagnon por finalização no terceiro round

Patrick Cummins derrotou Antonio Carlos "Cara de Sapato" Junior por decisão unânime

Rashid Magomedov venceu Elias Silvério por nocaute técnico no terceiro round

Erick Silva ganhou de Mike Rhodes por finalização no primeiro round

Daniel Sarafian venceu Junior Alpha por nocaute técnico no segundo round

CARD PRELIMINAR

Marcos Pezão venceu Igor Pokrajac por nocaute técnico no primeiro round

Renato Carneiro ganhou de Tom Niinimaki por nocaute técnico no segundo round

Hacran Dias venceu Darren Elkins por decisão unânime

Leandro Issa ganhou de Ulka Sasaki por nocaute técnico no segundo round

Tim Means derrotou Marcio Lyoto por decisão dividida

Vitor Miranda venceu Jake Collier por nocaute técnico no primeiro round

Tudo o que sabemos sobre:
UFCMMALyoto MachidaLuke Rocklhold

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.