Site Oficial / CBJ
Site Oficial / CBJ

Sarah Menezes conquista medalha de bronze na Turquia

Outros judocas brasileiros não alcançam medalha no Grand Prix de Antalya

Estadão Conteúdo

06 de abril de 2018 | 12h58

Sarah Menezes foi ao pódio pela segunda semana consecutiva no Circuito Mundial de Judô. Nesta sexta-feira, a brasileira campeã olímpica faturou a medalha de bronze no Grand Prix de Antalya, na Turquia, ao vencer a israelense Tamar Malca por ippon na luta decisiva.

+ Campeã olímpica no Rio-2016, judoca Rafaela Silva dará palestra em Harvard

+ Judoca Rafael Macedo conquista ouro no Grand Prix de Tbilisi

O resultado foi o mesmo que Sarah Menezes havia assegurado no Grand Prix de Tbilisi, na Geórgia, há uma semana. E essa regularidade foi celebrada pela brasileira, que era a cabeça de chave número dois da disputa entre judocas de até 48kg na competição turca.

"Estou muito feliz pela constância nos dois finais de semana seguidos no pódio. Continuarei trabalhando para que nas próximas competições venha o primeiro lugar. Só tenho a agradecer toda a torcida no Brasil, à Confederação Brasileira de Judô por estar aqui lutando e representando a seleção", comemorou a piauiense.

Em Antalya, Sarah Menezes estreou com vitória sobre a usbeque Diyora Keldiyorova ao aplicar um ippon no golden score. Depois, nas quartas de final, forçou duas punições para a portuguesa Catarina Costa, mas acabou levando um wazari, o que a mandou para a repescagem.

Sarah, então, se recuperou com vitória por ippon, com três punições, sobre Bazarragchaa Erdenebat, do Azerbaijão. Depois, na luta pela medalha diante da israelense de apenas 17 anos, a brasileira conseguiu dois wazaris para se garantir no pódio.

Os outros brasileiros que competiram nesta sexta-feira na Turquia não chegaram a lutar por medalha, sendo que o melhor desempenho entre eles foi de Daniel Cargnin (66kg), que venceu as duas primeiras lutas, mas perdeu nas quartas de final e também na repescagem.

Ítalo Carvalho (60kg) e Michael Marcelino (66kg) ganharam na primeira rodada, mas foram batidos nas oitavas de final, enquanto Tamires Crude (57kg) e Kamila Silva (57kg) acabaram sendo eliminadas logo na estreia.

Tudo o que sabemos sobre:
judôSarah Menezes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.