Agassi elimina Guga em Los Angeles

Gustavo Kuerten caiu nas semifinais do ATP Tour de Los Angeles, ao perder para Andre Agassi por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (3/7), 6/3 e 6/3. Foi um jogo bem equilibrado, como era de se esperar o duelo entre dois dos melhores tenistas da atualidade. Depois de ter vencido a primeira parcial no tie break, Guga permitiu a reação do norte-americano, que ganhou as outras duas séries e garantiu vaga na final do torneio.Com a vitória, Agassi acabou com a invencibilidade de Guga que já durava 16 jogos. Seu adversário na final será o vencedor do jogo entre o norte-americano Pete Sampras e o belga Xavier Malisse, que se enfrentam ainda neste sábado.Apesar da eliminação, Guga saiu satisfeito de Los Angeles. Afinal, ele conseguiu o que queria: ganhar ritmo de jogo e adaptar-se às quadras rápidas. Além disso, somou 75 pontos para o ranking mundial e outros 15 para a corrida dos campeões. Já nesta segunda-feira, o brasileiro estará no Canadá para a disputa do Masters Series de Montreal - o seu adversário de estréia sairá do qualifying e ainda não está definido.Na partida diante de Agassi, Guga teve boas perspectivas de vitória. No primeiro set, saiu na frente. Abriu vantagem de 2 a 0, mas logo cedeu uma quebra de serviço, empatando em 3 a 3. O equilíbrio manteve-se até o tie break, quando o brasileiro venceu o desempate por 7 a 3.No segundo set, o domínio passou a ser de Agassi, que chegou abrir vantagem de 4 a 1, até fechar por 6/3. No terceiro e decisivo set, incentivado pela boa torcida na quadra central da Universidade da Califórnia, o tenista norte-americano usou sua principal arma: a regularidade. Com isso, ele conseguiu fazer 3 a 1. Mesmo em situação difícil, reclamando um pouco de dores musculares, Guga teve chances de reagir. Quando Agassi sacava com 4 a 3, o brasileiro teve 0 a 40, ou seja, três chances para devolver a quebra de serviço. O brasileiro não aproveitou nenhuma delas e permitiu que o tenista norte-americano garantisse a vitória depois, com 6/3.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.