André Sá perde e Rogério Dutra Silva avança por W.O. nas duplas em Roland Garros

Sá e Jonathan Erlich perderam por 2 sets a 0

Estadão Conteúdo

01 de junho de 2017 | 11h26

Os dois brasileiros com partidas programadas nesta quinta-feira pela chave de duplas de Roland Garros tiveram destinos opostos. André Sá acabou sendo eliminado na segunda rodada do Grand Slam parisiense, enquanto Rogério Dutra Silva nem precisou entrar em quadra para o seu jogo de estreia.

Sá e o israelense Jonathan Erlich até abriram a participação em Roland Garros com vitória, mas nesta quinta não resistiram ao mexicano Santiago Gonzalez e ao norte-americano Donald Young, que triunfaram por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/5).

O brasileiro e o israelense ofereceram pouca resistência na primeira parcial, quando perderam o saque duas vezes. Já o segundo set foi bem mais equilibrado. Cada dupla converteu um break point, com Sá e Erlich salvando um match point no 12º game. Porém, eles sucumbiram na sequência, no tie-break, sendo eliminados.

Já Dutra Silva contou com a sorte nesta quinta. Um dia após fazer um jogo duro, mas perder na segunda rodada da chave de simples para o canadense Milos Raonic em partida definida em quatro sets, o brasileiro nem precisou entrar em quadra para o seu primeiro jogo no evento de duplas em Roland Garros.

Rogerinho e o italiano Palo Lorenzi iam enfrentar os espanhóis Pablo Carreño Busta e Guillermo García López, mas eles acabaram desistindo de atuar. Assim, Dutra Silva e Lorenzi avançaram à segunda rodada em Paris, fase em que vão medir forças com os franceses Quentin Halys e Adrian Mannarino.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.